quinta-feira, 30 de junho de 2016

Série A 2016 nesta quarta

Fotos do post: Joka Madruga/Estadão Conteúdo, Sirli Freitas/Especial, Fernando Gomes/Agencia RBS, Agência Estado, Marcos Ribolli, Reprodução e Estadão Conteúdo.




CORITIBA 1 X 0 ATLÉTICO PR
Quero explicar: Quem faz a ordem dos jogos, é este que vos fala....muito das vezes até olhando pra outras praças. Nesta noite de quarta, fomos de atletiba cheio de detalhes, o atletiba do Couto Pereira onde deu Coritiba no simples detalhe.
Em jogo de muitos chutões, muita marcação, poucas chances onde as duas equipes mal trataram a bola na noite do Couto Pereira e sem falar em lances polêmicos pra ambos os lados com uma arbitragem que deixou o pau comer no clássico sem fazer nada.
Na segunda etapa, o Furacão teve chance de abrir o placar por 2 vezes, primeiro com Nikão onde Wilson fez uma defesaça e na outra com o Sidcley.
Se o placar terminasse 0 a 0, iriam criticar o auxiliar pela a saída do Ruy e a estreia do recém chegado atacante Kazim-Richards. Mas nada disso aconteceu e no escanteio onde deixaram ele ser superior do que a atual zaga do Atlético....o detalhe do jogo virou o turco, os holofotes foram ao turco e o turco além do gol já vai ganhar a simpatia da torcida pela a declaração de “É o número 10 aqui é um grande número de Alex” logo citando quem é rei na Turquia e quem tem carinho no Coritiba com direito a despedida da carreira, o atacante turco vira detalhe de um jogo que não foi tudo isso e os 3 pontos no placar para o Coritiba enquanto o Atlético volta a perder clássicos.
Quase que o clássico me fez dormir, pois é.







CHAPECOENSE 3 X 2 CRUZEIRO
Estreia de Caio Jr na Chape, drama e vitória a vista. Assim na noite de Chapecó foi o confronto do verdão do Oeste contra a equipe celeste do Cruzeiro.
Logo de cara, o Cruzeiro fez o gol.....rebatida de Marcelo Boeck(aquele que a torcida na maioria confia) e o gol do Matías Pisano após cruzamento do De Arrascaeta(VAMOS ESCREVER O NOME DIREITINHO DO CARA NÉ) e o placar era aberto para o Cruzeiro, 1 a 0. Depois disso, a Chape tomava conta do jogo e isso era bem nítido, do jeito que estava o empate logo sairia e saiu apenas aos 41 do primeiro tempo quando Silvinho na cara do Fábio toca para deixar tudo igual na Arena, 1 a 1.
Na segunda etapa, as duas equipes buscavam o ataque mas depois com o passar do tempo o jogo deu uma caída. 23 minutos, e a bola parada de novo ajudando a Chapecoense, motivo? Arthur Maia que fez igual o Hyoran em Volta Redonda, bateu uma falta.....golaço que nem o Fábio conseguiu tirar com o olho e a virada em Chapecó.
A Chapecoense ficou reclamando de lance que não teve toque de mão ali e tampouco impedimento, era o empate cruzeirense que tinha buscado a qualquer custo, com Fabrício Bruno sendo que o Paulo Bento minutos antes gesticulava(e nisso a percepção do rádio é inigualável, por isso que é TV no mudo e rádio no áudio) para que ele fosse pra área e não deu outra, empate cruzeirense com gol legítimo(nesta o pessoal esteve reclamando a toa). Só que a reação da Chape claro que viria, nem que possamos ter instantes finais dramáticos em Chapecó e já na sequência do gol levado, o Fábio já tinha espalmado uma bola e o gol chegaria aos 43 em lance que sobrou num desvio do Kempes para a bola entrar.....3 a 2 pra Chapecoense, mas pensa que acabou? Que nada. Instantes finais de pressão cruzeirense e quase o empate por dois lances.
Primeiro dos lances foi quando a bola passou por todo mundo quando a zaga fura, William recebe e chuta cruzado, mas a bola passa por toda a área. O segundo lance, que foi o último lance do jogo foi o Marcelo Boeck fazendo grande defesa e salvando de soco a bola que seria a do empate.
Apito na boca, fim de jogo e a Chapecoense vence o Cruzeiro na Arena Condá. E sufoco a mil, enquanto o lado cruzeirense lamenta a derrota.





GRÊMIO 3 X 2 SANTOS
3 a 2 de bom jogo na Arena do Grêmio, jogo que só foi resolvido no finalzinho e na noite de volta de boa atuação gremista.....até seria um pecado o tricolor gaúcho não vencer o jogo, já o Peixe.....chegou a arrancar reação na segunda etapa e com direito a estreia boa do Copete, mas no final...tomou o gol e perde mais uma fora de casa.
Falando da partida, os primeiros 45 minutos iniciais só deram Grêmio. Só um time jogou, esteve envolvente e foi para o jogo enquanto o outro estava desarrumado o tempo todo. Não foi difícil para o Grêmio fechar o primeiro tempo com 2 a 0.
Giuliano fez o 1 a 0 em lance que o Everton chuta forte e no rebote do Vanderlei, o Giuliano estava na hora certa para completar a bola lá dentro. As chances? Algumas ainda mais quando o Grêmio resolveu jogar no contra-ataque e o 2 a 0 chegaria apenas aos 44 quando o lance pareceu o primeiro gol, mas desta vez Douglas empurrou ela pra rede no 2 a 0 justíssimo.
Na segunda etapa, o Peixe volta melhor até com Copete em campo. Marcelo Grohe começou a trabalhar no jogo e sem contar que de tanto pressionar, o desconto veio no escanteio quando Gustavo Henrique cabeceou e a bola sobra para o Copete descontar e botar o Santos no jogo.
Depois disso, o Santos estava melhor no jogo embora se viu o Grêmio com chances do terceiro gol que liquidaria o jogo e sairia deste determinado sufoco levado. Mas não deu e aos 37 teve empate do Peixe com chute do Zeca de fora da área para o 2 a 2 da Arena.
Mas nada pararia por ai, passe de Giuliano para Marcelo Hermes tocar e garantir os 3 pontos aos 44 do segundo tempo e um 3 a 2 em Porto Alegre desta forma.





FLAMENGO 1 X 0 INTER
Só na cabeça do Argel e no jogo do susto....para que achem que o Inter fez alguma coisa, não é? E o Flamengo.....sabe aquelas vitórias que aliviam embora se sabe que nada jogou? Pois bem, é neste estilo.
Igor, porque o jogo do susto? Estava parecendo o GP da Fórmula 1 de 94 em San Marino onde aconteceu de tudo até a morte do Senna e faltando só o Galvão Bueno falar que foi um dia muito negativo. Falta de luz devido as chuvas que caem na grande Vitória que é Cariacica e o jogo demorou pouquinho, mas demorou e o outro lance onde o jogador do Inter entra pra pegar no Rodinei que fica desacordado por alguns momentos(merecia expulsão até) mas sorte que foi só um susto.
Gol do Flamengo saiu aos 18 minutos quando Paolo Guerrero deu aquela escorada para que Ederson de trás batesse e marcasse o único gol do jogo,  não lembro de chutes a gol do Inter e só via o Muriel fazendo defesas e quase que o Inter tomaria o segundo....o que não seria nenhum absurdo. O Inter foi fazer jogo precário e todo errado mesmo com Seijas estreando.
No final, o 1 a 0 que alivia a galera rubro-negra por enquanto e o Inter começa as suas derrotas.







SP 2 X 1 FLUMINENSE
Fluzão reclamar de arbitragem? Tem razão.
Ganso saindo lesionado de campo e até falando que está fora.......até o Edgardo Bauza olhou para os céus lamentando, e com razão sendo que a semana da Libertadores está chegando.
Na noite do Morumbi, o São Paulo ganhou o duelo de tricolores mas teve essa situação de não contar com Ganso embora exames servem pra isso e o Fluminense só foi jogar bola na segunda etapa, aí era difícil de reverter.
Fluminense sem 1 chute a gol, já o SP.....placar aberto no escanteio que João Schmidt livre desvia e lá perto da reta final de jogo o Michel Bastos cruza na cabeça do Alan Kardec, só comprovando o passeio inteiro de um time em cima do outro.
Na segunda etapa, o Flu volta melhor e ainda consegue uma penalidade quando a bola toca na mão do Rodrigo Caio, Cícero bateu e fez. O Fluminense tenta, mas no final deu São Paulo no Morumbi.
Se gostei da estreia do Cueva? Bastante. Acho que de forma objetiva se consegue perguntar o que em meia hora ficam discutindo em programa esportivo.





VITÓRIA 3 X 2 SPORT
Enquanto mais um jogo onde o Sport só fica naquela fraqueza e apostando que 1 jogador resolve o problema.....seria exagero de minha parte eu falar que foi ATÉ O PRESENTE MOMENTO uma das MELHORES PARTIDAS DO VITÓRIA?
Desfalque do lado e do outro, sem desculpas e vamos jogar, seria bom se tudo fosse assim sem desculpa pronta. O jogo nada acontecia até aos 19 minutos quando a zaga do Vitória falha e o Matheus Ferraz completa para o gol no 1 a 0. Ainda teve a expulsão do Éverton Felipe, a pressão rubro-negra baiana faz total sentido e o Vitória empatou quando Diego Renan cruza para trás e vem o Vander tocar para o gol deixando 1 a 1.
A virada do Vitória veio na segunda etapa, até se notava quem estava dormindo e quem estava acordado e ligado no jogo. 2 a 1 com Euller recebendo passe de William Farias e o toque foi na saída de Magrão.
E a ampliação do placar aproveitando a preguiça do Leão da Ilha do Retiro e a disposição no caso do Vitória, deu tempo do Nickson descontar e sem falar na perda de cabeça do Reinaldo Lenis ser expulso ontem. Grande vitória baiana no Barradão.






AMÉRICA MG 0 X 2 CORINTHIANS
Pra finalizar, enquanto o América mal reage e nada faz pela a falta de elenco existente, o Corinthians consegue a sua tranquilidade, a sua vitória que iria acontecer além de reabilitação do Cristóvão Borges no comando corintiano que ainda vai ter muito o que buscar.
O jogo além do atletiba, nos deixou com um sono danado. Sem muitas emoções, Timão dominou na maior tranquilidade o jogo e o placar foi aberto aos 9 na sobra que Romero aproveitou após ajeitada do Balbuena e falha da zaga americana. Bola no travessão, outras chances criadas e domínio fácil do Corinthians que sacramentou na segunda etapa quando o Coelhão quis algo, mas sem sucesso. Pênalti e Marquinhos Gabriel liquida a fatura, quem cravou jogo tranquilo....acertou na mosca.

quarta-feira, 29 de junho de 2016

Outra do Sul-Americano de Basquete: Argentina vence Chile na facilidade

Assim como brasileiros e uruguaios, a Argentina de Nico Casalanguida(Se pronuncia  CASALÂNGUIDA pra quem não sabe da pronuncia) também fez o seu no quesito facilidade e amanhã contra a Colômbia irá confirmar o primeiro lugar onde vai esperar quem perder de Venezuela x Brasil pra enfrentar nas semifinais.
112 a 71, e o Chile só resistindo até o segundo quarto apenas. Porque depois mais do mesmo com relação ao domínio argentino e jogadas como essa do Nico Brussino: https://twitter.com/FIBA_es/status/748312017748918273
27 a 16 no primeiro quarto para a Argentina, no segundo quarto.....a turma que veio do banco como Nico Romano, Saiz, Vildoza....só ajudando a Argentina ampliar o placar para que no intervalo fosse 50 a 33. Na volta dele, começou a aparecer Gabriel Deck, começou aparecer a vantagem ampliada e a resistência chilena acabada.
Algo mais? Cestinhas/Maximos Puntuadores: Argentina teve 18 pontos do Nico Brussino, 17 do Javier Saiz, 15 do Nico Romano, 14 do Acuña e só. Enquanto no Chile tivemos 11 pontos do Carvacho.
Tendências e Tendências, Argentina superiora e vencendo todo mundo. Pra ela assim como Brasil e Venezuela....as semifinais serão o real teste da equipe alternativa que mandaram pra lá e até acredito que tem mais equipe que o Brasil e tem treinador.

Pelotas 1 x 2 Caxias: Estaduais 2016 no blog!

Foto: Luis Gustavo Amaral / EC Pelotas/Divulgação




Segunda divisão Gaúcha, chegando na reta final e dependendo....na penúltima rodada já podemos ver o Caxias subir(embora não acho que suba em Frederico Wesphalen contra o União Frederiquense e sim em casa na última rodada contra o Brasil de Farroupilha). A vitória Caxiense na neblina em Pelotas contra a equipe da casa foi de um jogo memorável, foi aquele típico jogo que só confirma a competitividade e a superação da equipe grená e que pode dar frutos no meio da temporada embora sabemos a diferença entre um estadual e uma série D. E com direito a 9 em campo, não dá pra não esquecer desse detalhe.
Claro que o Gauchão em 2017 ganharia cor com as duas equipes subindo, por representarem tradição no futebol gaúcho, só que pode acontecer de 1 delas ficar pelo o caminho como no caso do Pelotas que se complicou demais com as duas derrotas contra o Caxias.
E o jogo, Igor? Nem a neblina impediu do jogo deixar de acontecer, teve jogo na Boca do Lobo e com o jogo sendo do rádio, tivemos um primeiro tempo em que o Pelotas esteve pressionando de cara e vi o gol do Marcelo Pitol ter ao menos uns 3 perigos onde a força do rádio em uma delas fez o relato de "PITOOOL" na defesa. E o Caxias não ficava atrás, o Jajá meteu bola na trave e na sequência do lance, era bola tirada em cima da linha.
Eis que o placar foi aberto, e foi aberto em favor do Caxias quando Jajá depois do cruzamento dominou e fez o 1 a 0. Na comemoração, ele foi pra galera....na volta tomou cartão amarelo(naquelas chatices atuais que nada pode mais) e ele seria expulso minutos depois num toque de mão, como ele tinha já cartão.....já viu, né, expulsão para ele. E na hora que o Pelotas pressionava, o Darlem sem bola agride o Juliano Tatto e consegue a famosa jumentice de expulsão deixando tudo igual.
Na segunda etapa, o Pelotas volta melhor e empata aos 8 na falta batida que na sobra da bola no travessão o Xuxa pegou e deixou tudo igual na Boca do Lobo e haja fogo no jogo. E mais expulsão minutos após, agora do lado do Caxias em que o Cleiton deixa o pé e é expulso de forma justíssima também.
A segunda etapa não teve quase futebol, teve muita disposição de ambos os lados e o Caxias se encolhendo de novo.....até que um contra-ataque maroto aos 44 do segundo tempo com gol, falta batida por Gian sem chances para o goleiro pelotense e a virada grená no 2 a 1 que teve que segurar na ponta dos dedos até o fim de jogo e segurou pra importantes 3 pontos enquanto o Pelotas se complica. Emoção também existe na segunda divisão gaúcha, viu!!!
Baita vitória Grená em Pelotas.

Mais jogo fácil a vista: Uruguai vence Peru no Sul-Americano de Basquete

Sul-Americano de Basquete e os sinônimos de facilidade pra seleções que se sabe a diferença técnica.
É bem mais do mesmo com relação a quem acompanha a competição e ver que Peru, Bolívia e Equador são presas fáceis para os adversários. O Uruguai vence mais uma, joga amanhã a tarde contra o Chile e com prenúncio de vitória fácil de novo, até deu para Marcelo Signorelli botar todo mundo pra jogar e poupar Esteban Batista que não estava com condições de jogo além do lesionado Gustavo "Panchi" Barrera. A seleção peruana resistiu até parte do segundo quarto, porque depois.....foi presa fácil.
No primeiro quarto, enquanto Fitipaldo e Calfani puxavam o lado uruguaio de forma fácil, o Peru aproveitava a fraca marcação alheia para dar trabalho no placar. E no final do quarto 25 a 17 para os uruguaios.
No segundo quarto, foi que a resistência peruana começou a ficar curta e o Uruguai largar na frente ainda mais com atuações de jogadores como Haller, Newsome e com vários momentos de Zanotta que estava jogando por suas primeiras vezes na seleção profissional uruguaia. E com isso, mesmo sem convencer o Uruguai estava na frente por 39 a 25.
Mas tudo parou por ai, pois na volta do intervalo tivemos outro jogo, reservas jogando e placar ampliado até abrir uns 40 de frente e a vitória fácil como já se esperava, até a rádio Sport 890 com o jogo liquidado passou a querer saber de outras coisas como gente da imprensa que está acompanhando o torneio na Venezuela(maioria venezuelanos, nenhum argentino e tampouco brasileiro e além do Alen Banewur da Sport 890, tem outro jornalista uruguaio lá....o resto só Venezuelano acompanhando o torneio, nem a Directv Sports mandou Carlos Altamirano e Pablo Viola lá.....teve que ir com a filial venezuelana) e demais coisas que tiveram que entreter a transmissão, já que o jogo estava liquidado.
Vitória uruguaia, apesar da primeira parte sem convencer mas depois deu a lógica da lógica e amanhã isso pretende acontecer contra o Chile.
Cestinhas do jogo/Maximos Puntuadores? Uruguai teve 20 pontos do Calfani, 15 do Haller e 3 jogadores com 11 pontos(Wachsmann, Fitipaldo e Newsome). Já o Peru teve 21 pontos do Fuller e mais nada.

Magnus Futsal vence ACBF na prorrogação e é campeão do Intercontinental de Futsal

Final do Intercontinental de Futsal e com direito a 3 rádios(1 delas in loco do Catar) fazendo o jogo além do Sportv e mais um título para Falcão e para o Magnus Futsal de Sorocaba com direito a prorrogação por 4 a 3 após o empate de 1 a 1 no tempo normal.
Os detalhes foram vários, principalmente a hora que o jogo precisava de jogadores de decisão, era nisso que o Magnus Futsal tinha e ainda mais em competição cascuda como o Intercontinental de Futsal como Falcão e Simi que na hora decisiva fizeram diferença para o Magnus e o fator da quinta falta arrastada desde parte do tempo normal, fez custar caro a turma da ACBF de Carlos Barbosa pois de outro lado não dá pra parar sem falta jogadores com recursos a mais como Falcão e Diego por exemplo.
A primeira etapa foi em alto nível, jogo lá e cá principalmente nos primeiros 5, 7 minutos onde os goleiros Deividi e Tiago trabalharam de forma igual. Até que nos momentos, as equipes foram bem iguais. Era 3 minutos de domínio de um e 3 de domínio do outro e quando tudo parecia terminar sem gols a primeira etapa, quem abriu o placar foram os comandados de Fernando Ferreti. Falta batida por Falcão, Deividi dá rebote e Diego sozinho, livre leve e solto completar para o gol.....falha na marcação da ACBF e gol do Magnus Futsal, 1 a 0.
Na segunda etapa, o Magnus recuou, a equipe gaúcha pressionou e dominou grande parte da segunda etapa mas esbarrava no Tiago que está numa fase daquelas. E as coisas facilitaram quando o Keko foi expulso e quando a expulsão aconteceu....a ACBF conseguiu empatar com o Canabarro soltando aquela bomba para empatar o jogo. 1 a 1. E depois disso, além das equipes não forçarem tanto para ir na prorrogação, a ACBF chegou a sua quinta falta....algo que lá na frente vai ajudar o Magnus Futsal.
Fim de papo no tempo normal, prorrogação e nela que tudo foi definido. No começo dela, Mithuyê(ex JEC e ex jogador de campo) em lateral batido, chutou e a bola desviou no Zico pra matar o Deividi no caminho e a virada do Magnus aconteceu. Só que a ACBF lutou pra caramba, não desistiu do jogo e além de bola no travessão, chegou ao empate quando o Bruno meio que lançou meio que chutou e o Grillo de cabeça desviou empatando pra equipe gaúcha, 2 a 2.
Nos últimos 3 minutos de prorrogação(segunda etapa desde já) foi o que decidiu. Lembra daquela quinta falta carregada onde qualquer lance era tiro livre pra o Magnus? Pois bem.....foi o que aconteceu e na experiência do Simi, na cobrança veio a virada que a ACBF de novo tinha que ir atrás o placar enquanto o Magnus segurava e num erro da defesa, bola roubada, 2 contra 1 e gol do Neguinho para o 4 a 2 que liquidou tudo.
Ainda deu tempo de faltar 12 segundos e pênalti pra ACBF onde Murilo bateu e converteu(penalidade até que podia ter expulsado o Rodrigo que pegou feio na entrada), mas o tempo era curto demais para um milagre e o título é sorocabano, festa do Magnus Futsal na final brasileira do Intercontinental de Futsal.
Deu Magnus Futsal sobre a ACBF de Carlos Barbosa, em uma ótima final.

Mais jogo fácil a vista: Brasil vence Bolívia no Sul-Americano de Basquete

Fúlvio e Rafael Mineiro nem precisaram jogar, tiveram o seu descanso, 81 pontos de diferença e um notável jogo em que o Brasil venceu a Bolívia.
Se o nível de equipes não é legal por lá, beirando ao amadorismo.....a seleção então nem se fala, assim se vê a realidade boliviana que não faz força a ninguém e ao lado de Equador, Peru conseguem ser a ruindade deste torneio.
Com isso, o restante teve o seu momento em quadra. Jéfferson, Davi Rossetto, Olivinha, Toledo, JP Batista, Leo Meindl, Henrique Coelho e uma vitória mais que tranquila onde se em alguns momentos não se tira o pé....esse placar chegaria ao menos a uns 140 pontos tranquilamente.
Não há nem o que ser falado, enquanto o amanhã será a definição de primeiro lugar pra ver se encara Argentina na semifinal ou na final. Se perder pra Venezuela, terá a Argentina numa semifinal enquanto se ganhar pode pegar o Uruguai nas semifinais.
Semifinais que serão sábado e a final domingo.
Com isso, nos resta a falar os placares onde o primeiro quarto terminou 31 a 7, o segundo quarto terminou 61 a 13 e no restante do jogo o Brasil passeou e ganhou mais uma sem problemas.
Agora vale destacar que Lucas Mariano esteve devendo, é bom ele acordar viu....até o Jimmy conseguiu ser melhor que ele mesmo preso também. É bom acordarem, enquanto o resto estava no seu normal.
Cestinhas do jogo? Brasil teve 20 pontos do Jéfferson, 17 do Olivinha, 15 do Davi Rossetto, 14 do JP Batista, 13 do Leo Meindl, 11 do Gui Deodato e 10 do Marcus Vinícius Toledo. Já a Bolívia....dos 33 pontos, só 12 do Ramos.

Wimbledon 2016 e seu dia 3 de competição

Vamos a mais um dia de Wimbledon, com placares e opiniões ou podemos dizer parte dele, pois tivemos assim como ontem por exemplo a chuva rolando e prejudicando parte do dia fazendo partidas serem canceladas e adiadas para amanhã. E o duro é que a previsão aos próximos dias, é de chuva lá em Londres.
Antes de começar com relação ao que teve de jogo, até confesso que se a organização fosse esperta....como tudo terminou rápido na quadra central, transferir um dos jogos que no final foram adiados para quadra central, deveria ser feito algo a grosso modo até pra que se consiga manter uma razoável organização e até menos jogo a ser adiado também, mas a organização mal pensa nisso.




MASCULINO
Segunda rodada
[1]Novak Djokovic (SER) v. Adrian Mannarino (FRA), 6/4 6/3 7/6(5)
[3]Roger Federer (SUI) v. Marcus Willis (GBR), 6/0 6/3 6/4
Nicolas Mahut (FRA) vence [13]David Ferrer (ESP), 3/1 - adiado por chuva
Grigor Dimitrov (BUL) vence [16]Gilles Simon (FRA), 1/0 - adiado por chuva
[28]Sam Querrey (EUA) vence Thomaz Bellucci (BRA), 6/4 5/2 - adiado por chuva
[30]Alexandr Dolgopolov (UCR) empata com Daniel Evans (GBR), 6/6 - adiado por chuva
Steve Johnson (EUA) vence Jeremy Chardy (FRA), 1/0 - adiado por chuva
Andreas Seppi (ITA) vs. [6]Milos Raonic (CAN) - cancelado
[9]Marin Cilic (CRO) vs. Sergiy Stakhovsky (UCR) - cancelado
Julien Benneteau (FRA) vs. [5]Kei Nishikori (JAP) - cancelado
[11]David Goffin (BEL) vs. Edouard Roger-Vasselin (FRA) - cancelado
Andrey Kuznetsov (RUS) vs. Gilles Muller (LUX) - cancelado
Pierre-Hugues Herbert (FRA) vs. Damir Dzumhur (BIH) - cancelado
[27]Jack Sock (EUA) vs. Robin Haase (HOL) - cancelado
Lukas Lacko (ESL) vs. [23]Ivo Karlovic (CRO) - cancelado
Nicolas Almagro (ESP) vs. Denis Istomin (UZB) - cancelado

Primeira rodada
[8]Dominic Thiem (AUT) v. Florian Mayer (ALE), 7/5 6/4 6/4
[10]Tomas Berdych (TCH) v. Ivan Dodig (CRO), 7/6(5) 5/7 6/1 7/6(2)
[19]Bernard Tomic (AUS) v. Fernando Verdasco (ESP), 4/6 6/3 6/3 3/6 6/4
[24]Alexander Zverev (ALE) v. Paul-Henri Mathieu (FRA), 6/3 6/4 6/2
Radu Albot (MDA) v. Gastão Elias (POR), 3/6 6/2 7/5 6/4
Jiri Vesely (TCH) v. Igor Sijsling (HOL), 6/2 6/4 7/6(7)
[18]John Isner (EUA) vence Marcos Baghdatis (CHP), 7/6(2) 1/3 - adiado por chuva
[32]Lucas Pouille (FRA) vence Marius Copil (ROM), 6/4 4/6 1/0 - adiado por chuva
Matthew Barton (AUS) empata com Albano Olivetti (FRA), 6/7(7) 7/6(5) 6/3 6/7(5) 3/3 - adiado por chuva
Donald Young (EUA) vence Leonardo Mayer (ARG), 6/4 7/5 3/6 2/1 - adiado por chuva
Mikhail Youzhny (RUS) vence Horacio Zeballos (ARG), 6/4 5/4 - adiado por chuva
Fabio Fognini (ITA) vence Federico Delbonis (ARG), 6/4 1/6 4/1 - adiado por chuva




Na ordem, só 5 jogos da primeira rodada realizados e terminados, você está vendo vários jogos com segunda e primeira rodada não concretizados. Thiem, Berdych(apesar das dificuldades do placar apertado) e Zverev no destaque da classificação de primeira rodada.
Já na segunda rodada, só Djokovic e Federer tiveram seus jogos realizados(por motivo de quadra central), já as outras mal terminaram ou nem foram realizados(dentre deles Bellucci x Querrey por exemplo). A lógica vitória do Djokovic se sabia que aconteceria e o Willis que entrou pra curtir o momento de estar numa segunda histórica rodada de Wimbledon e contra o Federer....não teve tanta resistência assim, embora foi o que mais virou notícia em Londres nestas últimas horas além da chuva.





FEMININO
Primeira rodada
[3]Agnieszka Radwanska (POL) v. Kateryna Kozlova (UCR), 6/2 6/1
[7]Belinda Bencic (SUI) v. Tsvetana Pironkova (BUL), 6/2 6/3
[10]Petra Kvitova (TCH) v. Sorana Cirstea (ROM), 6/0 6/4
[16]Johanna Konta (GBR) v. Monica Puig (PRI), 6/1 7/5
[21]Anastasia Pavlyuchenkova (RUS) v. Su-Wei Hsieh (TPE), 7/5 1/6 6/1
[32]Andrea Petkovic (ALE) v. Nao Hibino (JAP), 3/6 7/5 6/2
Evgeniya Rodina (RUS) v. Lesia Tsurenko (UCR), 6/3 7/5
Julia Boserup (EUA) v. Tatjana Maria (ALE), 6/4 0/6 6/2
Ana Konjuh (CRO) v. Karin Knapp (ITA), 6/3 6/3
Eugenie Bouchard (CAN) v. Magdalena Rybarikova (ESL), 6/3 6/4
[18]Sloane Stephens (EUA) empata com Shuai Peng (CHN), 6/6 - adiado por chuva
Anett Kontaveit (EST) vence [24]Barbora Strycova (TCH), 3/2 - adiado por chuva
Annika Beck (ALE) vence Heather Watson (GBR), 3/6 6/0 1/0 - adiado por chuva
Mandy Minella (LUX) vence Anna Tatishvili (EUA), 3/1 - adiado por chuva
Ekaterina Makarova (RUS) vs. Johanna Larsson (SUE) - adiado
Monica Niculescu (ROM) vs. Aleksandra Krunic (SER) - adiado
Aliaksandra Sasnovich (BLR) vs. [31]Kristina Mladenovic (FRA) - adiado
[11]Timea Bacsinszky (SUI) vs. Luksika Kumkhum (TAI) - adiado

Segunda rodada - Jogos cancelados em virtude da chuva
[5]Simona Halep (ROM) vs. Francesca Schiavone (ITA)
Jana Cepelova (ESL) vs. [2]Garbine Muguruza (ESP)
[8]Venus Williams (EUA) vs. Maria Sakkari (GRE)
Varvara Lepchenko (EUA) vs. [4]Angelique Kerber (ALE)
[14]Samantha Stosur (AUS) vs. Sabine Lisicki (ALE)
Mona Barthel (ALE) vs. [26]Kiki Bertens (HOL)
[20]Sara Errani (ITA) vs. Alize Cornet (FRA)
[28]Lucie Safarova (TCH) vs. Samantha Crawford (EUA)
Yaroslava Shvedova (CAZ) vs. [17]Elina Svitolina (UCR)
Carina Witthoeft (ALE) vs. Kurumi Nara (JAP)
[15]Karolina Pliskova (TCH) vs. Misaki Doi (JAP)
Anna-Lena Friedsam (ALE) vs. Ekaterina Alexandrova (RUS)
[22]Jelena Jankovic (SER) vs. Marina Erakovic (NZL)
Lara Arruabarrena (ESP) vs. [29]Daria Kasatkina (RUS)
Denisa Allertova (TCH) vs. [12]Carla Suarez (ESP)
Kirsten Flipkens (BEL) vs. [9]Madison Keys (EUA)



No Feminino, você percebeu os inúmeros jogos que nem foram realizados e aqueles que começaram mas não terminaram por causa da chuva, não é?
Só que também existiu jogos realizados, dentre eles as classificações da Bouchard, da Radwanska e da Bencic que foram inteiramente fáceis sem ter muito o que destacar. A Kvitova conseguiu terminar o seu jogo rapidamente também só cedendo 4 games pra Cirstea,





E se a chuva deixar, os demais jogos acabaram acontecendo. ESPN, SPORTV3........além dos links mais perto de vocês pra acompanhar Wimbledon e as partidas.
E sobre a ESPN Americana que sempre falo? Ela tá passando os jogos, e com a cobertura ótima de sempre.

E saiu a seleção Olímpica para o #Rio2016

Foto: André Marques/Super Rádio Tupi




Eis que ela saiu, a seleção Olímpica para os Jogos Olímpicos Rio 2016(embora teremos inúmeras sedes que serão fora do Rio de Janeiro como Brasília, São Paulo por exemplo no futebol feminino e masculino). Ela que será comandada por Rogério Micale, algo que teria que acontecer desde já por conhecer rigorosamente tudo.
Claro que a discussão sobre quem deveria ir, só comprova a força de elenco existente e o quanto tem jogadores que pareciam ter nome certo(como Walace) no final ficarem de fora ou por queda de rendimento ou por lesão.
Penso que as famosas surpresas da lista acima são William do Inter e o Luan do Vasco. O Fernando Prass entrar na lista com tamanha experiência acaba sendo um merecimento pra ele próprio como já o ouvi falar em horas atrás. Claro que existe a velha discussão do calendário, só que.....a formação do elenco se desenhava pra essa situação.
Gostei do que vi no quesito convocação, onde os que não são da seleção Olímpica mas entram naquela seara de 3 jogadores maior que 23 anos....são Neymar, Douglas Costa e Fernando Prass(será que o Neymar vai se focar ou vai se preocupar com outras coisas além de qualquer fracasso ainda o resto ser chamado de babaca por ele?) e sem esquecer do fato que teve clubes que não liberaram jogadores, já imaginou se os clubes fossem liberassem seus jogadores? Pois é.
No mais, gostei do que vi e será legal essa seleção do Micale....que não seja uma decepção como aconteceu em 2000 onde a equipe na mão do Luxemburgo era forte mas veio Camarões e derrubou na prorrogação.
Gostei do que vi.

segunda-feira, 27 de junho de 2016

Corinthians 3 x 3 Joinville: LNF 2016 no blog!

Foto: Divulgação





Jogo da noite, na rodada onde tivemos um show de empates. Jogo da noite que o Blog resolveu escolher e se deu bem, na reação do JEC após estar perdendo de 3 a 1 em pleno Parque São Jorge contra o Corinthians, até ouvia os jogadores sendo entrevistados pelo o César Júnior na Máxima FM de Garuva e se via o famoso alívio dos jogadores tricolores.
No jogo, já de cara...o Corinthians foi com tudo e fez o gol no lateral batido(aqueles gols de lateral no estilo que acontece no Intercontinental de futsal) em que Marcel bate ele e a bola desvia no Eka enganando o goleiro Joinvilense e o 1 a 0 no placar na abertura dele para o Timão. E sendo que em poucos minutos.....3 minutos de jogo e o JEC com 2 faltas e o Corinthians com 1.....além da movimentação do jogo, tinha esse fator acontecendo durante o jogo.
O JEC equilibrou e fez o empate no golaço do Alex, mas a defesa do Joinville voltou a falhar e o Timão abriu 3 a 1 com Rocha e com Pepita(Pepita chutou na saída do Dudu) e só assim para o Vander Iacovino dar bronca no tempo pedido do Joinville por lá. Alias, após esse tempo pedido além de estourar as 5 faltas......o Corinthians parou de jogar e viu o Joinville dar trabalho, teve que numa falta ensaiada o Eka bateu e fez encostando no placar, 3 a 2.
Na segunda etapa, o JEC voltou melhor sobre o Timão e na tabela entre Gabriel e Xuxa para o empate no Parque São Jorge, 3 a 3. Depois disso, o Joinville foi se defender e segurar o empate, enquanto o Corinthians foi pra frente criar oportunidades(JEC também teve chance de virar) e no final....nada feito e um 3 a 3 daqueles em jogo que foi movimentado no Parque São Jorge, jogo do rádio e uma boa partida pra se acompanhar e no final o Joinville buscou um senhor resultado.
Resultados do dia na LNF: Concórdia Futsal 1 x 1 Intelli Orlândia(com direito a gol perdido sem goleiro), Marreco Futsal 2 x 2 Copagril, Minas 3 x 3 Tubarão, ALAF 4 x 4 Floripa Futsal e São José 2 x 3 Atlântico Erechim(vitória que levou a vice-liderança).

Portuguesa 0 x 0 Guarani: Série C 2016 no blog!

Foto: ALE VIANNA/ELEVEN/ESTADÃO CONTEÚDO




Noite até de bom público no Canindé, mas de um empate em 0 a 0 sem grandes emoções onde lusitanos e bugrinos amassaram a bola.
Me acostumei a ver a Lusa em casa jogando com a tradicional rubro-verde e o Guarani indo de branco, mas os papéis foram tão invertidos que até quase que se confundia tudo.
No primeiro tempo, a Lusa estava melhor que o Bugre nos primeiros 15 minutos ao menos com direito a chance do Felipe Alves mas com o passar do tempo, o Guarani equilibrava as ações e até com o jogo caindo demais de produção e até chegou perto de abrir o placar. A Portuguesa só teve um início bom, porque o resto.....o jogo caiu de nível além do Guarani ter criado chances, preciso falar sobre o elenco das equipes que não demonstram confiança ou estou sendo chato?
Na segunda etapa, o jogo fica na mesma, nível baixo e poucas chances. Lusa veio quando Felipe Alves cabeceou perto da trave e numa defesa do goleiro bugrino que evitou o Guarani de tomar o gol. Eis que a Portuguesa faz mais oportunidades aparecer e o Guarani teve que começar a se segurar e o 0 a 0 no final ficou desta maneira na noite do Canindé.

Atlético GO 1 x 0 Criciúma: Série B 2016 no blog!

Foto: Zuhair Mohamad/O Popular




Série B na noite de segunda-feira? É isso mesmo, não é loucura alguma, teve jogo nesta noite de segunda-feira de série B do Campeonato Brasileiro e reabilitação para o Dragão Goiano sobre o Tigre de Roberto Cavalo.
O Jogo teve a primeira etapa onde, começou com o gol anulado claramente do Gustavo em favor do Criciúma. Depois disso, em grande parte do primeiro tempo a superioridade foi toda goiana no jogo....até vi um jogo animado para uma série B que não está naquele nível e de tanto pressionar aos 34 minutos saiu o gol no chute de fora da área do Jorginho em jogada individual finalizando para o gol sem chances para o Luiz, 1 a 0 para o Atlético.
Na segunda etapa, o Criciúma teve que ir pra cima. Tentativa de pressão, alterações sem sucesso e uma bola com pensamento pequeno no Serra Dourada. Nem as bolas na área lançadas deram certo e no final o Atlético conseguiu importantes 3 pontos na série B que continua a sua rodada amanhã.

Argentina vence Uruguai no Sul-Americano de Basquete

82 a 58 e enquanto o Uruguai faz a sua segunda partida, a Argentina fazia a sua estreia após os amistosos iniciais em solo Venezuelano e uma diferença daquelas na própria partida.
A estreia Argentina foi muito boa, atuação excelente sobre o Uruguai que já tinha passado sufoco pra vencer o primeiro jogo contra a Colômbia.
No quesito jogo, o primeiro quarto pareceu um pouco da estreia uruguaia sobre a Colômbia, só que quem esteve travado foi a seleção Argentina num quarto nada bom inclusive ofensivamente e impressionante como Esteban Batista monopoliza o jogo uruguaio até facilitando para os adversários marcarem o ataque. O Uruguai fechou o primeiro quarto na frente por 14 a 8.
A partir do segundo quarto, além do aproveitamento alto nas bolas de fora inclusive vindas com Schattmann, Brussino, Aguerre e Romano, a Argentina esteve super envolvente enquanto o Uruguai penou na famosa rotação de jogadores e com isso além da virada no placar, se fez abrir uma vantagem pequena por 36 a 29 no intervalo em favor dos comandados do Casalanguida(que está dirigindo a equipe enquanto o Oveja vai com a outra frente igual ao que acontece no Brasil para a preparação das Olimpíadas).
Na volta do intervalo, o Uruguai não voltou para a partida. Só deu Argentina, sequência de 15 a 4 e distância aberta em 22 pontos com direito a Brussino, Gabriel Deck, Aguerre, Romano e todo o elenco argentino pontuando na força do conjunto e no trio de armadores De Los Santos, Balbi e Vildoza para abrir um 60 a 42.
No último quarto, se notava que a seleção uruguaia mal tinha reação e a Argentina simplesmente administrou o placar. Engrenou durante o jogo, igual o Brasil e igual a própria seleção uruguaia. E a vitória foi a favor da Argentina.
Cestinhas/Maximos Puntuadores: Argentina teve 13 pontos do Schattmann, 11 do Gabriel Deck, 11 do Nico Romano e 10 do Federico Aguerre. Já o Uruguai teve 12 pontos do Bruno Fitipaldo e 11 do Esteban Batista.

Wimbledon 2016 e seu dia 1 de competição

Vamos aos detalhes, só lembrando que ESPN e Sportv(lá no Sportv3) estão sendo as TV´S aqui no Brasil que passam o dia de Wimbledon, sem contar os inúmeros links que ligam a várias quadras e a demais coberturas do Grand Slam na grama sagrada de Wimbledon. E no tradicional esquema de placares e opiniões.




MASCULINO
Primeira rodada
[1]Novak Djokovic (SER) v. James Ward (GBR), 6/0 7/6(3) 6/4
[3]Roger Federer (SUI) v. Guido Pella (ARG), 7/6(5) 7/6(3) 6/3
[5]Kei Nishikori (JAP) v. Sam Groth (AUS), 6/4 6/3 7/5
[6]Milos Raonic (CAN) v. Pablo Carreño (ESP), 7/6(4) 6/2 6/4
[9]Marin Cilic (CRO) v. Brian Baker (EUA), 6/3 7/5 6/3
[11]David Goffin (BEL) v. Alexander Ward (GBR), 6/2 6/3 6/2
[13]David Ferrer (ESP) v. Dudi Sela (ISR), 6/2 6/1 6/1
[16]Gilles Simon (FRA) v. Janko Tipsarevic (SER), 4/6 6/4 7/5 6/3
Jeremy Chardy (FRA) v. [17]Gael Monfils (FRA), 6/7(4) 6/0 4/6 6/1 6/2
Denis Istomin (UZB) v. [20]Kevin Anderson (AFS), 4/6 6/7(13) 6/4 7/6(2) 6/3
Pierre-Hugues Herbert (FRA) v. [21]Philipp Kohlschreiber (ALE), 7/5 6/3 3/6 6/3
[23]Ivo Karlovic (CRO) v. Borna Coric (CRO), 7/6(8) 7/6(7) 6/4
[27]Jack Sock (EUA) v. Ernests Gulbis (LET), 6/4 6/4 6/4
[28]Sam Querrey (EUA) v. Lukas Rosol (TCH), 6/7(6) 6/7(5) 6/4 6/2 12/10
Andrey Kuznetsov (RUS) v. [29]Pablo Cuevas (URU), 6/3 3/6 5/7 6/3 6/4
[30]Alexandr Dolgopolov (UCR) v. Evgeny Donskoy (RUS), 6/2 6/4 3/6 7/6(3)
Sergiy Stakhovsky (UCR) v. Yoshihito Nishioka (JAP), 6/3 6/4 6/4
Adrian Mannarino (FRA) v. Kyle Edmund (GBR), 6/2 7/5 6/4
Lukas Lacko (ESL) v. Paolo Lorenzi (ITA), 6/4 6/7(5) 7/5 6/3
Nicolas Almagro (ESP) v. Rogério Silva (BRA), 6/3 7/6(6) 5/7 3/6 6/3
Damir Dzumhur (BOS) v. Denis Kudla (EUA), 7/6(5) 7/5 2/6 1/6 6/3
Grigor Dimitrov (BUL) v. Bjorn Fratangelo (EUA), 6/3 6/4 6/2
Nicolas Mahut (FRA) v. Brydan Klein (GBR), 7/6(0) 6/4 6/4
Andreas Seppi (ITA) v. Guillermo Garcia-Lopez (ESP), 6/2 6/4 6/0
Julien Benneteau (FRA) v. Illya Marchenko (UCR), 6/4 6/2 7/6(8)
Edouard Roger-Vasselin (FRA) v. Teymuraz Gabashvili (RUS), 1/6 6/3 6/4 6/4
Thomaz Bellucci (BRA) v. Ruben Bemelmans (BEL), 3/6 6/4 6/3 1/6 8/6
[Q]Marcus Willis (GBR) v. Ricardas Berankis (LIT), 6/3 6/3 6/4
Steve Johnson (EUA) v. Malek Jaziri (TUN), 7/5 7/6(2) 6/4
Robin Haase (HOL) v. Diego Schwartzman (ARG), 2/6 6/2 6/3 2/6 7/5
Daniel Evans (GBR) v. Jan-Lennard Struff (ALE), 6/3 6/7(6) 7/6(7) 7/5
Santiago Giraldo (COL) empata com Gilles Muller (LUX), 6/4 7/6(3) 6/7(5) 3/6 11/11 - suspenso por falta de luz



Lado Masculino, começando com as não novidades que é o Djokovic estreando sem problemas e o Federer vencendo Guido Pella. Alias, esse jogo, o Pella deu super trabalho ao Federer com direito a 2 tie breaks, o que na grama é algo muito bem feito apesar do normal 3 sets a 0, o Pella não foi mal, gente.
Tivemos Cilic, Ferrer, Nishikori, Raonic, Goffin passando de fase e sem tantos problemas também. Sobre a situação de Bellucci e Rogerinho. Ambos foram a 5 sets, o Rogerinho lutou como sempre mas acabou perdendo para o Almagro, já o Bellucci venceu o Bemelmans para passar de fase na grama de Wimbledon.
O Schwartzman teve a sua chance, mas não conseguiu ter a sua primeira vitória na grama, já também tivemos altíssimos jogos em 5 sets algo que se notará bastante na grama e um deles terá que terminar amanhã entre Giraldo x Gilles Muller porque estão empatados em 11 pontos no quinto set e em Grand slams o quinto set do masculino e o terceiro do feminino não tem tie break, a diferença de 2 games faz a vitória acontecer.





FEMININO
Primeira rodada
[2]Garbiñe Muguruza (ESP) v. Camila Giorgi (ITA), 6/2 5/7 6/4
[4]Angelique Kerber (ALE) v. Laura Robson (GBR), 6/2 6/2
[5]Simona Halep (ROM) v. Anna Karolina Schmiedlova (ESL), 6/4 6/1
[8]Venus Williams (EUA) v. Donna Vekic (CRO), 7/6(3) 6/4
[9]Madison Keys (EUA) v. Laura Siegemund (ALE), 6/3 6/1
[12]Carla Suárez (ESP) v. Shuai Zhang (CHN), 6/3 4/6 6/4
[14]Samantha Stosur (AUS) v. Magda Linette (POL), 7/5 6/3
[15] Karolina Pliskova (TCH) v. Yanina Wickmayer (BEL), 6/2 0/6 8/6
[17]Elina Svitolina (UCR) v. Naomi Broady (GBR), 6/2 6/3
[20]Sara Errani (ITA) v. Patricia Maria Tig (ROM), 6/4 6/4
[22]Jelena Jankovic (SER) v. Stefanie Voegele (SUI), 6/2 6/2
Ekaterina Alexandrova (RUS) v. [23]Ana Ivanovic (SER), 6/2 7/5
Carina Witthoeft (ALE) v. [25]Irina Begu (ROM), 6/1 6/4
[26]Kiki Bertens (HOL) v. Jelena Ostapenko (LET), 6/3 6/2
[28]Lucie Safarova (TCH) v. Bethanie Mattek-Sands (EUA), 6/7(7) 7/6(3) 7/5
[29]Daria Kasatkina (RUS) v. Victoria Duval (EUA), 6/0 7/5
Sabine Lisicki (ALE) v. Shelby Rogers (EUA), 6/1 6/3
Jana Cepelova (ESL) v. Mariana Duque (COL), 7/5 7/5
Maria Sakkari (GRE) v. Saisai Zheng (CHN), 6/3 6/2
Lara Arruabarrena (ESP) v. Olga Govortsova (BLR), 6/2 1/6 8/6
Kurumi Nara (JAP) v. Madison Brengle (EUA), 6/2 6/7(5) 6/3
Anna-Lena Friedsam (ALE) v. Zarina Diyas (CAZ), 6/4 6/0
Samantha Crawford (EUA) v. Paula Kania (POL), 7/5 6/3
Kirsten Flipkens (BEL) v. Nicole Gibbs (EUA), 6/3 6/1
Denisa Allertova (TCH) v. Margarita Gasparyan (RUS), 6/3 3/0 - des.
Alize Cornet (FRA) v. Polona Hercog (ESV), 6/3 6/0
Yaroslava Shvedova (CAZ) v. Julia Goerges (ALE), 7/5 6/4
Misaki Doi (JAP) v. Louisa Chirico (EUA), 6/1 6/2
Varvara Lepchenko (EUA) v. Teliana Pereira (BRA), 5/7 7/6(3) 6/2
Francesca Schiavone (ITA) v. Anastasija Sevastova (LAT), 7/6(7) 6/4
Marina Erakovic (NZL) v. Irina Falconi (EUA), 4/6 6/3 10/8
Mona Barthel (ALE) v. Danka Kovinic (MNE), 6/2 7/6(3)




Lado Feminino, sem tantas surpresas também. Podemos dizer que na do dia a Ivanovic e sua eliminação jogando mal é a eque teve de eliminação surpresa, porque no resto.....mais do mesmo.
Classificações de Jankovic, Lisicki, Cornet, Errani, Kerber, Halep, Stosur, Keys, Venus Williams e sem contar na Muguruza que mesmo com dificuldades conseguiu passar numa primeira rodada que honestamente falando, se sabia que poderia haver dificuldades contra a Giorgi.





Amanhã tem mais Wimbledon.

Brasil estreia na facilidade esperada do Sul-Americano de Basquete

Foto: Ministério do Esporte/Venezuela





O Placar está na foto ilustrativa da postagem, a vitória brasileira encaminhada com facilidade numa primeira fase onde a verdade sobre o quesito dificuldades, será na última rodada praticamente classificados contra a Venezuela com direito a ginásio lotado em Caracas.
Equipes que são bem candidatas a ser saco de pancadas são Equador, Peru e Bolívia....se olharmos no geral, são basquete que mais apanha da bola do que conduzem ela com carinho e isso é um fato a ser dito. Tem aquelas como Paraguay, Chile e Colômbia que podem ser nem cá e nem lá e sem contar em Brasil, Argentina, Venezuela e Uruguai que serão as futuras semifinais se não tiver nenhum aborto da natureza nesse meio.
A fácil vitória brasileira sobre os comandados de Gustavo de Conti e de sua equipe secundária enquanto o Magnano vai preparando a seleção oficial ao mesmo tempo(assim como Casalanguida e Sérgio Hernandez tem feito na Argentina por exemplo) veio após um primeiro quarto nada acertado. Equador numa disposição, num aproveitamento altíssimo onde se sabia que uma hora iria sucumbir pela a falta de qualidade e o Brasil apesar de não ter começado legal e nem ter se defendido direito......teve um Olivinha levando vantagem no garrafão alheio e após um começo atrás do marcador, virou naturalmente o jogo e fechou o primeiro quarto já em 26 a 21.
Jogo que todo mundo jogou e o Brasil nem foi só Olivinha, Brasil foi Jéfferson, Brasil foi Leo Meindl, Brasil foi JP Batista, e sem falar em Gui Deodato que veio bem do banco e a ampliação no placar foi só aumentando, 57 a 37 antes do intervalo e na volta da segunda etapa de jogo.....em 5 minutos uma sequência de 15 a 2 e as coisas no seu devido lugar onde o restante do jogo virou o famoso tédio e o famoso placar alto em favor do Brasil que amanhã pega o Paraguai e por aqui tem transmitido a ESPN(sabe aquela TV que é pertence ao governo venezuelano? Pois bem, ela está transmitindo todos os jogos, além dos links e rádios como a Sport 890 nos jogos da seleção uruguaia, a Directv Sports com auxilio da turma venezuelana e demais outras no caminho) os jogos.
Cestinhas do jogo? Lado do Brasil teve 18 pontos do Olivinha, 13 do Jéfferson, 13 do Léo Meindl, 12 do Gui Deodato, 12 do Rafael Mineiro e 11 do JP Batista. Já o Equador teve 22 pontos do Delgado, 15 do Guayaquil e 10 do Orozco.

Em mais uma disputa de pênaltis, Chile vence Argentina e é campeã da Copa América Centenário

Foto: Agência Uno




Mais uma final, mais uma chance, e a Argentina para no caminho para um Chile que tinha começado de forma contestável com direito a Juan Antônio Pizzi sendo criticado mas depois durante a própria competição ganhou corpo e sem contar o 7 a 0 sobre o México que encorpou mais ainda e faz do Chile a melhor seleção que temos atualmente na América do Sul, não foi a toa que ganhou a Copa América ano passado e agora nesta edição Centenária de Copa América onde terá alguns dizendo que nada vale.
É duro para a Argentina, é duro para Messi(que deveria repensar a história de desistir da seleção, achei que estava abalado, estava com a cabeça quente e isso pra quem achava que ele não vibrava e não lamentava por nada......tão queimando a língua) parar de novo. Me atentava no fim de jogo a fala de Germán Sosa na ESPN FC Rádio e a Argentina precisa descobrir de fato o que tanto se passa para chegar durante a competição com merecimento até a final e na final.....esbarrar na mesma barreira, o que se passa quando o Higuaín mete gols por ai e numa final mete bola pra fora por exemplo. A Argentina precisa se entender com isso.
No quesito jogo, não tivemos um grande jogo não. 90 minutos onde as duas equipes tiveram poucas chances, pareciam duas equipes cautelosas com medo de que qualquer erro fosse resultar em título, chances como Higuaín de um lado, Sánchez do outro e os goleiros Bravo e Romero pouco exigidos.
Na prorrogação, mesma coisa. Parecia que queriam direto para as penalidades as duas equipes e penalidades além de ser competência......me atentei pra Enrique Sacco onde ele comentava ontem: "Los pênaltis se lo gana cualquiera"(Pênaltis se ganha qualquer um).
E nas penalidades além do erro do Vidal de cara(algo que ano passado ele não fez), teve o erro do Messi e uma bola pra fora que frustrou todo mundo e quando a câmera focou nele se notou a desolação e isso porque tinha gente que dizia que ele não vibrava com nada. Na sequência das penalidades todo mundo convertendo, até que chegou a vez do volante Biglia que chutou pra defesa do Cláudio Bravo. Na última cobrança, Alejandro Silva para o Chile.....bola do lado, goleiro do outro e título na mão.
Festa chilena e a Argentina acaba parando de novo no mesmo lugar, é dureza pura! Chile campeão da Copa América Centenário.




OBS: Só lembrando que durante a semana tem mais, era pra postagem ter saído de madrugada e no domingo esportivo, show de atualizações só pra informar a audiência rotativa daqui.

domingo, 26 de junho de 2016

Sul-Americano de Basquete, Uruguai sem convencer vence Colômbia na estreia

Estreia de uma nova era na seleção uruguaia de basquete. Falo da era Marcelo Signorelli que começa com este torneio onde a estreia veio com vitória por 60 a 54 conforme a foto, a atuação foi bem péssima, uma equipe desorganizada que sofreu demais contra uma equipe completamente física como era a seleção colombiana que de física tinha bastante, mas de qualidade nem tanto.
No começo de jogo, um 12 a 6 em favor dos colombianos que teve que forçar o Signorelli a mexer e usar seu banco, onde usou e a vantagem foi apenas pra 5 pontos no fim do quarto, 15 a 10 em favor da Colômbia que usou demais do físico pra pendurar os uruguaios em faltas e pra fazer o simples.
No segundo quarto, a Colômbia voltou a abrir 10 pontos de frente enquanto o Uruguai era impreciso ofensivamente e defensivamente mais ainda. Jogadores como Pérez e Ortiz tiveram que aparecer no lado colombiano e só da metade do quarto para o final dele.....o Uruguai aos poucos foi se acertando inclusive com Federico Haller principalmente, o pivô do Defensor Sporting simplesmente entrou bem no jogo e fez o Uruguai depois de quase 2 quartos e meio fazendo apenas 15 pontos.
Esta recuperação no final, fez o Uruguai ficar a apenas 4 pontos atrás da Colômbia, 28 a 24.
Na volta de intervalo, Colômbia botou de novo a vantagem pra 9 pontos. Só que na mudança de defesa, causou problemas do lado colombiano e o Uruguai aos poucos foi chegar no jogo embora se notava que as deficiências ofensivas estavam grandes.
E essa incessante busca pelo o placar mas esbarrando na falta de convencimento.....durou até os últimos 4, 3 minutos de jogo. Onde surge as bolas de 3 de Luciano Parodi, Fitipaldo e Maurício "Pica" Aguiar. Nas bolas de 3 deles, o Uruguai passou a frente e nisso a Colômbia não pode reagir pela a diferença técnica e o Uruguai conseguiu a vitória apesar de não ter tão convencido assim e ainda acho péssima a escolha do Signorelli embora se entende que no Uruguai não dá pra ter tantas opções assim
Uruguai terá um buraco mais embaixo amanhã que será a Argentina, alias neste sul-americano vou tentar fazer Uruguai, Argentina e Brasil principalmente.
E antes dos cestinhas? Porque o Marcos Benito não apita da forma que apita bem discreto no NBB? Porque precisa ser espalhafatoso nas marcações só pra ganhar click na TV? Se alguns árbitros apitassem o que fazem nos torneios FIBA, acho que nosso basquete melhoraria bastante. É notável tal diferença.
Cestinhas/Maximos Puntuadores: Uruguai teve Bruno Fitipaldo com 15 pontos, 14 do Haller e 13 do Maurício Aguiar. Já a Colômbia teve 15 pontos do Ortiz e mais nada.

Salgueiro 1 x 1 Fortaleza: Série C 2016 no blog!

Foto: Ednardo Blast/ TV Grande Rio





Além do jogo de mais cedo, vamos ao jogo das 7 da noite.....o Fortaleza foi jogar pra empate, foi pedir que o jogo acabasse e no final lucrou com este empate.
Jogo em que a arbitragem esteve muito mal, alias....enquanto nada acontecer de diferente, vamos ter jogos a esse nível e pior será se houver a famosa omissão que muitos fazem, não adianta omitir nada.
Aos 11 já de cara, gol do Leão do Pici na troca de passes que resultou em gol do Clebinho e o 1 a 0 em favor do Fortaleza que não pode contar com Marquinhos Santos(ex treinador do Coritiba, agora no tricolor cearense). Com o chute do Elivélton, com chance do Piauí.....o Fortaleza dominava as ações enquanto o Ricardo Berna só evitou numa bola um dos poucos ataques do Salgueiro no interior pernambucano.
Eis que tudo começou a mudar no fim do primeiro tempo mesmo, Clebinho foi expulso além do preparador físico e com isso a segunda etapa teve o Salgueiro em cima com direito a pressão que resultou em oportunidades e até a gol aos 25 do segundo tempo, quando Luiz Paulo encheu o pé e empatou para o Carcará e o Fortaleza ficou segurando o placar com 1 a menos.
A partida não foi movimentada como querem postar por ai, muito menos de dar sono....até deu pra acompanhar. Em outros jogos do dia, ASA 1 x 0 Cuiabá, River 1 x 2 Confiança, Guaratinguetá 2 x 2 Tombense, Ypiranga 2 x 0 Macaé, Boa Esporte 1 x 1 Mogi Mirim além do relatado em post mais cedo no empate de Ribeirão Preto entre Botafogo-SP x Juventude.

Série A 2016 neste domingo

Fotos do post: Age/Agencia RBS, Guilherme Artigas/Fotoarena/Lancepress, Marlon Costa/Pernambuco Press, Eduardo Valente/Frame Photo/Estadão Conteúdo, Reprodução/Premiere, Nelson Perez/Fluminense FC, Marcos Ribolli e Romildo de Jesus/Futura Press.




INTER 2 X 3 BOTAFOGO
Olha......torcedor Botafoguense sofreu até o final, vibrou como nunca....agora só não pode iludir. A vitória de hoje, foi de uma extrema superação contra um colorado que desfalcado foi jogar todo errado e não adianta o Alex ficar irritadinho tirando satisfação com o torcedor achando que se pode pautar o que o torcedor faz, logo ele que é um jogador experiente e nem deveria cair nesta pilha do torcedor que está lá pago pra criticar e elogiar sempre que preciso.
Este que vos fala ao mesmo tempo que as chances de Gervásio Nuñez, de Neílton, de Fernandes pintavam pra fora quando o jogo estava apertado, fui me lembrar de certas partidas que o Botafogo não liquidou e a sequência fez jogos virarem frustrantes(podia estar citando eles, mas não farei essa inconsequência, fiquem tranquilos e nem quero citar aquela frase que fica parecendo que o clube é coitadinho, sendo que nunca foi e não pode ser).
A vitória estilo Botafogo de um lado, e do outro as vaias merecidas em pontos que lá na frente custaram caro......começaram de forma impressionante e de forma intacta para ambos os lados: 15 minutos de jogo e 2 a 0 com gols de Fernandes e Neílton, acho que ninguém em sã consciência ou nem mais o otimista torcedor pensava nisso, até se podia pensar o 2 a 0 do lado do Internacional e não do lado do Botafogo mas contra fatos não teve argumentos. O 2 a 0 com 15 minutos de jogo é do Fogão.
Depois disso, o Inter assim como em grande parte de jogo....ficou insistindo em bolas na área, onde não era o jogo certo para chegar lá. O Inter até criou oportunidades com o Andrigo por exemplo, só que se o Botafogo tivesse um pouco mais de qualidade, já era pra ter liquidado o jogo.
E as coisas pioraram para o Inter, a expulsão do Fabinho quando o Neílton passou pelo o lateral que só o Dunga gosta e isso só facilitou ao Botafogo. 2 a 0 até ouvindo o Luiz Carlos Reche no intervalo...passou ser pouco.
Na segunda etapa, o Inter se lançou as traças, se lançou ao ataque enquanto o contra-ataque era Botafoguense. E o caminhão de gols pra tirar o sofrimento das costas....era perdido igual a normalidade de outros jogos, até que aos 24 minutos......Alex lançou o Eduardo Sasha que no mano a mano com o zagueiro levou vantagem e chutou para um desconto bem logo após de uma chance perdida pelo o Botafogo.
Só que logo após, Camilo praticamente dando seu último pique na sua estreia que foi aquela esperada de boa igual nos tempos da Chapecoense, chuta rasteiro e sem chances para Jacsson para o 3 a 1 que parecia que o jogo seria liquidado. Mas não foi nada disso e o motivo se chamou além do Camilo ter saído com câimbras, a TV perde o gol e Alex bate escanteio para o Ernando subir de cabeça numa bola aérea de poucas falhas alheias.
3 a 2, loucura nos instantes finais....feelings de ambos os lados, Neílton perde gol, Fernandes perde gol, Gervásio Nuñez chuta onde está o Jacsson e enquanto isso só bola na área adversária o Colorado Gaúcho colocava e dentre nelas....Sidão fechando o gol e o alívio botafoguense foi após o jogo sem ilusões, enquanto o lado colorado teve vaias por jogar todo errado uma partida dessas, e nem dá pra falar que subestimaram.
E deu Botafogo na vitória GIGANTE dentro da Padre Cacique, podem respirar Botafoguenses....a sofrência de hoje acabou, e Brasileirão é assim. Já o Inter, uma vacilada do tamanho do Beira-Rio e ainda bem que pegaram o torcedor e prenderam o cara, já teria punição ao Inter. Teve torcedor tacando chinelo no gramado.





ATLÉTICO PR 2 X 0 GRÊMIO
Enquanto o Grêmio se perde(Que fase ruim tá vivendo o Roger, até nas alterações tem se equivocado um monte) e consegue repetir uma atuação apática de outro dia a somar pela a defesa que não ajuda, o Atlético consegue uma vitória onde está conseguindo ser caseiro num campeonato desses ganhando no sinteticão da Arena da Baixada e isso após uma semana onde diretoria entra em rota de colisão com a organizada principal acabando com ela e muito mais.
Na primeira etapa, o jogo foi bem fraco, não tivemos fortes emoções além da anulação do gol do Pablo que foi uma anulação demorada(penso que teve TV ai) e foi bem anulado o gol embora se estranha essa demora toda, teve umas 2 defesas do Marcelo Grohe pra evitar o pior.
Na segunda etapa, enquanto o Grêmio mesmo mexendo não exibiu nenhum pingo de reação ao resultado, o Atlético esteve na pressão fazendo Marcelo Grohe a simplesmente ir aos milagres pra evitar o tricolor gaúcho do pior em Curitiba. De tanto insistir, o Furacão fez o gol quando Hernani solta o chute de fora da área para marcar o primeiro e lá no final de jogo o André Lima solta uma bomba onde até Marcelo Grohe toca na bola mas sem chances para o 2 a 0 final numa vitória justa e tranquila enquanto a apatia gremista e a fase não boa que vive o Roger....é nítida.





SPORT 5 X 1 CHAPECOENSE
Muita roupa suja e muito esporro deve acontecer, duvido que a diretoria da Chapecoense deixe isso passar num elenco que parecia mais de ressaca do que de qualquer coisa, uma atuação vergonhosa onde a sua defesa mostrou completamente tudo, Cláudio Winck, Rafael Bastos(onde não foi por falta de aviso) e demais jogadores sem ter feito rigorosamente nada e em minutos uma goleada que parecia aquela fala do Galvão Bueno no 7 a 1 famoso que era “Ih lá vem mais, tá virando passeio”. Não pode deixar imune tudo isso passar e a preocupação não só deste que vos fala mas de outros.....é que Caio Jr amanhã será apresentado, quem é de outras equipes que viu ele treinar, pode falar e até declarar a preocupação que o torcedor da Chapecoense precisa ter, Caio Jr quando perde jogo dependendo até joga culpa em torcida.....se acham que estou mentindo, perguntem a Botafoguenses sobre isso. A Chapecoense pode se dar mal com essa infeliz escolha enquanto o Guto Ferreira pode se dar mal lá no Bahia e ver suas portas fechadas quando futuramente não durar por lá, por mais que não somos de prever o futuro.....a situação é incerta.
Já o Sport, uma atuação de encher os olhos e com imposição daquelas. O gol não tardou a sair quando o Rodney cruzou uma bola despretensiosamente e ela pareceu que fez uma curva enganando o Danilo e só não saiu mais por muito pouco e até pelo o próprio Danilo que salvou o pior.
Na segunda etapa, o Leão da Ilha do Retiro viu o Ananias empatar de cara em menos de 1 minuto mas em poucos minutos a goleada se estabeleceu. E se estabeleceu com falha de Danilo(que depois de hoje não tem como o defender, gosto dele, acho ele bom goleiro....mas o momento dele, pode derrubar a Chape embora não consigo confiar no Marcelo Boeck) e com a sua zaga sendo uma mãe. 2 a 1 com Rithely, 3 a 1 com Rodney, 4 a 1 no golaço de voleio do Diego Souza e o 5 a 1 com o chute de Ronaldo que era defensável mas o Danilo falhou, em outros tempos não falharia e a Chapecoense faz uma das piores atuações da sua história enquanto o Sport lavou a forra na noite pernambucana.
Futuro incerto pra Chape e o Sport se redime no campeonato.





FIGUEIRENSE 0 X 0 CORITIBA
E o Figueira volta a situação feia de campeonato, a bi-polaridade que indica jogo bom contra equipes superiores e jogo ruim contra equipes de elencos iguais ou inferiores......só diz bem isso, e o Coritiba se tivesse um pouco de ambição até venceria o jogo.
O que vi, foi um jogo muito faltoso, muito ruim, e quem foi ao Scarpelli mereceria ter o dinheiro de volta ou está de parabéns por ter visto tudo isso. E o duro de um jogo faltoso, foi a Arbitragem deixando o pau quebrar literalmente e não fazendo nada.....é terrível.
Na segunda etapa, as coisas melhoraram um pouquinho. Rafael Moura de cabeça, Ayrton e Bady em chutes, já o Coxa respondendo com Leandro no toque na trave mais no final de jogo além de finalizações que não incomodaram e nem deram cócegas a Gatito Fernandez.
No final um 0 a 0 insosso.



AMÉRICA MG 0 X 1 ATLÉTICO MG
Pode não ter sido aquela grande atuação, só que a vitória veio em favor do Galo e com lance de Robinho para esses suados 3 pontos contra o América que jogou melhor em todo o tempo mas parou nas deficiências de sempre. O Gol do Robinho saiu logo no começo de jogo, quando recebeu bola do Clayton.
Depois disso, um jogo fraco, poucas chances e só com alguma graça na segunda etapa quando quase o Galo foi definir o marcador com Fred e logo depois com o Cazares vindo do banco. Nos últimos minutos de jogo, o Coelhão até tentou um sufoco mas nada feito e a vitória do Galo sem uma grande atuação aconteceu em 3 pontos após 2 anos sem ganhar um sequer clássico.




FLAMENGO 1 X 2 FLUMINENSE
Fla-Flu da Arena das Dunas....pra todo mundo e uma vitória tricolor com direito a falha da zaga rubro-negra que quando começava a elogiar, no final falha e as críticas voltam. É impressionante como a zaga do Flamengo acaba sendo 8 ou 80, e se não achar o tal equilíbrio vai pro saco e ficará nesta mesma situação onde vira assunto.
Enquanto a primeira etapa foi toda rubro-negra onde a qualquer momento o gol poderia acontecer com direito a Alan Patrick perdendo ao menos uns 2, 3 gols perdidos.....o Fluzão como em grande parte da mesma etapa fazia pouco e quando fazia algo ainda parava no Alex Muralha fechando o gol do lado rubro-negro igual ao que fazia no gol do Figueirense ano passado.
Na segunda etapa, os gols saíram junto da chuva. Quem saiu na frente foi o Fluminense quando o gol contra é daqueles que já estavam chamando de volante moderno e por ai vai, falo de William Arão que fez o gol contra. Já em sequência quase, Diego Cavalieri dá rebote no chute de Alan Patrick, Gum domina errado e Guerrero após uma eternidade sem fazer gol lá no Flamengo....deixou a sua marca(e há quem diga que ele fazendo gol, fez Natal chover nesta tarde de domingo). O Jogo deu uma esfriada depois disso, apesar que o Fluzão perdeu 2 gols de virar o placar antes da falha do Rafael Vaz que resultou no Richarlison tocando pra rede e o Mengão não conseguindo reagir.
O duro é que o atual interino agora vira ruindade, após as vitórias iniciais.....haja imediatismo. Deu Fluzão sobre o Mengão lá em solo Potiguar.





SANTOS 3 X 0 SP
Enquanto o Bauza encheu o SP de jogadores reservas e o jogo foi com mistão de jogadores....o Santos fez uma vitória tranquila onde se quisesse apertar, faria uma goleada histórica no Pacaembu, mas parou apenas no 3 a 0. Me fizeram lembrar do passeio do Peixe no jogo contra o Botafogo, foi bem parecido pra ser dito a verdade.
Antes de falar do jogo, embora só as TV´S pra puxarem algo sobre um jogo que só 1 time jogou.....quero falar sobre essa tal iniciativa de os clubes terem chegado no mesmo ônibus. Foi de uma hipocrisia dentro desse nosso mundo, sabe? Hipocrisia que caiu por terra durante o jogo quando a partida estava no segundo tempo, e princípio de confusão entre jogadores na partida de torcida única.
Bandido, só será intimidado com leis rígidas e com polícia cumprindo o seu papel e não com situações onde só falta cantar a música do John Lennon que é “Imagine”. Foi de uma hipocrisia tamanha essa situação, ao contrário de muitos que acharam bonito.....como eu odeio hipocrisia e no futebol quando ela existe, mais ainda, dá raiva e dá vontade de sumir.
O Primeiro tempo, tinha são-paulino que resumiu bem: Avenida Matheus Reis e Avenida Caramelo definiram o primeiro tempo que o Santos de cara fez o gol com Vitor Bueno(alias, mais uma grande atuação do garoto) após rebote/falha do Dênis, e o são-paulino tem razão em não confiar no cara.
O 2 a 0 veio com Rodrigão no cruzamento em jogada que começou lá atrás com o Lucas Lima e na segunda etapa com poucos sustos......gol do Lucas Lima pra completar a festa do Peixe no Pacaembu. E como demorou pra expulsarem o Lugano, hein? Mas expulsaram.






VITÓRIA 1 X 1 PONTE PRETA
Finalizamos a série A do Brasileiro com a partida do Barradão, prejudicaram, garfaram o Vitória na mão grande com aquele gol mal anulado do Dagoberto no último lance do jogo, foi vergonhoso o que se passou.
Por partes, já de cara a Ponte com o William Pottker abriu o placar tocando na saída do Fernando Miguel após lançamento do João Vitor. Depois disso, o Vitória pressionou, foi ser superior até chegar o seu gol aos 21 minutos quando a bola sobrou pra Kieza em cobrança de falta onde ele estava no lugar certo para empatar o jogo no Barradão.
Na segunda etapa, o que a Ponte Preta pressionou.....vocês não faziam ideia, hein. E ainda chegou a penalidade claríssima que foi em favor da Ponte Preta que Fernando Miguel defendeu(achei que ele adiantou, mas tudo bem).
Depois disso, o jogo teve oportunidades pra ambos os lados. A Ponte e Vitória tiveram chances além dos gols mal anulados do Vitória..... e o 1 a 1 que ficou dessa maneira.

Caxias 3 x 1 Ituano: Série D 2016 no blog!

Foto: Felipe Nyland/Agencia RBS





Jogo da D que o Blog resolveu acompanhar, vitória Grená sobre o Ituano que deu trabalho e que deve dar trabalho durante esta série D.
Sem Firulas falo da partida que foi a partida do rádio, e o ânimo do Caxias segue o mesmo antes de quarta-feira na decisiva partida contra o Pelotas onde a chavinha terá que ser virada para a Segunda Divisão Gaúcha. Primeiro tempo que não começou tão bem, mas engrenou aos poucos primeiro com bola na trave do Jajá para o Caxias e o gol do Ituano quando Claudinho aproveitou a sobra pra bater sem chances pra Marcelo Pitol após o escanteio e o placar para o Galo de Itu é aberto, 1 a 0 no Centenário.
E quase que o Ituano fez mais, meteu bola na trave e estava jogando bem e de igual pra igual enquanto o Caxias não tinha se achado. Até que aos 30 minutos, veio o empate em falta batida por Anderson Feijão que Lorran desvia para o gol e ainda deu tempo de Marcelo Pitol defender e evitar gol da virada para o Caxias.
Na segunda etapa, após esta parte movimentada de final de primeiro tempo e depois do intervalo.....tivemos penalidade em favor do Ituano, penalidade clara que foi batida por Marcão e Marcelo Pitol defendeu a cobrança. Isso mudou completamente o jogo no Centenário, pois em 7 minutos o Caxias virou e ampliou o placar, estava jogando mais, voltou melhor no segundo tempo e a virada era questão de tempo. Outra falta batida por Anderson Feijão e desta vez Geninho foi quem desviou e em outra falta batida por ele.....a bola passou por todo mundo e entrou direto para o gol marcando o 3 a 1 que o Ituano foi tentar correr atrás mas foi tarde.
Vitória Grená na série D do Brasileiro.


OUTROS RESULTADOS DA SÉRIE D
Nacional-AM 2 x 1 Trem
Gênus 1 x 0 Atlético-AC
São Francisco-PA 2 x 2 Baré-RR
Palmas 2 x 3 Princesa do Solimões
Rio Branco-AC 3 x 0 Rondoniense
Náutico-RR 0 x 0 São Raimundo-PA
Moto Club 0 x 0 Tocantinópolis
Santos-AP 2 x 3 Águia de Marabá
Juazeirense 3 x 0 Maranhão
CSA 2 x 1 Central
Guarani de Juazeiro 2 x 2 Parnayhba
Sousa 4 x 3 Galícia
Globo-RN 1 x 1 América-PE
Uniclinic 1 x 1 Itabaiana
Serra Talhada 0 x 3 Potiguar
Sergipe 3 x 3 Murici
Flu de Feira 2 x 1 Campinense
Araguaia 2 x 4 Ceilândia(Baita vitória do Ceilândia no Tocantins)
Anápolis 1 x 0 Sete de Dourados
Volta Redonda 0 x 0 Desportiva Ferroviária
Goianésia 1 x 3 URT
São Bento 0 x 1 Villa Nova-MG
Madureira 1 x 0 Novo Hamburgo
Brusque 2 x 0 J.Malucelli
Linense 1 x 0 São Paulo de Rio Grande
PSTC 0 x 0 Inter de Lages(e as rádios de Lages fazendo cadeia apenas, nenhuma por lá....aí vocês entendem porque reclamo disso em Brasília)

ACBF Carlos Barbosa busca e consegue empate contra Barcelona

Foto: Ulisses Castro/ACBF




Claro que este domingo como o blog sempre faz tem espaço para outros esportes, algo que o Blog não pode parar.
O Futsal no Intercontinental de Clubes continuou no Catar, amanhã é a folga no torneio onde as semifinais serão na terça-feira.
Foi impressionante a forma que esse empate veio em favor dos comandados de Marquinhos Xavier. Uma primeira etapa onde foi toda do Barcelona, a ACBF toda desarrumada e o Wilde sendo destaque(muito tempo de nosso futsal aqui nas ligas e na seleção brasileira sendo sempre destaque). Wilde abriu o placar, minutos bem depois o Lozano no contra-ataque fulminante fez o segundo e em outro lateral(foram 2 gols tomados no lateral....isso é pesado) o Wilde apareceu como elemento surpresa para abrir o 3 a 0 onde só 1 time jogava e o outro estava perdido, tudo parecia que o Barcelona podia ampliar, pela a qualidade que tem.
Eis que surge a segunda etapa, 2 gols do Rafa para encostar no placar e em poucos minutos......haja fogo no jogo botado no Catar e a melhoria era notável. Quando as coisas chegaram a piorar, quando teve a expulsão de Grillo fazendo a equipe gaúcha ficar com 1 a menos e o Barcelona ter a faca e o queijo pra liquidar o jogo. E o 3 a 3 surgiu, numa ensaiadíssima falta que no final Canabarro finalizou e foi um senhor golaço na jogada ensaiada onde quem não viu, procure o lance que vai gostar bastante.
O Barça pressionou no final, mas sem sucesso e o empate fez a ACBF simplesmente estar na outra semifinal contra o Al Rayyan.
E o que levou o jogo do Magnus Futsal? Vitória e classificação pra pegar o Barcelona na semifinal de terça. Ambas acredito tenham Sportv transmitindo, a da ACBF terá a Estação FM de Carlos Barbosa e talvez tenhamos a rádio Web De Prima no jogo do Magnus Futsal.

Alemanha e um passeio: Classificação na Euro

Foto: DENIS CHARLET / AFP




E bota passeio nisso, o 3 a 0 sobrando, daria pra resumir em rigorosas poucas palavras. Só um time jogo o tempo todo, tirando uma defesaça do Neuer que é o atual melhor goleiro do mundo e disso é fato.....só deu Alemanha nos ataques. Era uma baba que se quisessem mais, repetiriam o que fizeram no Brasil.
E quando você acha que a Alemanha ficaria só naquilo de anos atrás.....jogadores como Draxler aparecem e nos surpreendem.
Boateng de primeira, Draxler fazendo jogada para o gol do Super Mário, o Mario Gómez e um passeio daqueles que se o Ozil não perde a penalidade era 3 a 0 sobrando no primeiro tempo. Já na segunda etapa, o Draxler sozinho no escanteio fez o gol pra liquidar a fatura e a facilidade em atuação já esperada.......tem nem o que detalhar, até dou parabéns aos posts de vários os lugares por isso. A bola Alemã é clara, é direta e se define desta maneira. 3 a 0, fora o baile....algo que nas quartas vai pegar ou Itália ou Espanha e o jogo não tende a ser essa baba toda.


Botafogo de Ribeirão Preto 1 x 1 Juventude: Série C 2016 no blog!

Foto: Rogério Moroti / Agência Botafogo-SP/ Divulgação





A série C rolando e o blog no meio, vamos falar do jogo das 11 da manhã onde tivemos o empate entre o Pantera e a Papada.
Jogo que jurava que não acabaria bem, pelo o fato do árbitro ser omisso em expulsar alguns jogadores ainda mais nas confusões criadas no jogo. Primeiro aquela da penalidade onde o Roberson e o jogador do Botafogo de Ribeirão Preto quase foram pra cima se a turma do deixa disso não viesse rapidamente, e o cartão só vi dar ao jogador do Juventude conforme as imagens registraram e naquela da expulsão do Lucas onde no meio de confusão o Alemão quis bater em todo mundo, e o próprio jogador do Botafogo de Ribeirão Preto era pra ser expulso pela a entrada feita. Uma arbitragem cara de pau, fraca e temos várias assim durante o ano mesmo.
Nestas confusões citadas, era pra no MÍNIMO ter 1 de cada lado expulso, mas tivemos uma arbitragem bem caseira neste quesito.
A primeira etapa de jogo, teve duas etapas. A primeira delas, teve o Juventude até superior no jogo e com direito a boa marcação e até com Fahel desarmando bolas(vivi pra isso) e a segunda etapa onde o Botafogo melhorou no jogo e perdeu 2 oportunidades(Alemão e Danilo Bueno), e no meio dela um vazio daqueles bem ruim que fez o jogo ter um sono daqueles.
Já na segunda etapa de jogo, além da penalidade clara que surgiu gol do Roberson e o 1 a 0 do Juventude tivemos as confusões e o Botafogo de Ribeirão Preto que estava sendo dominado, estava com 1 a mais na expulsão do Lucas e o Antônio Carlos Zago recuou a equipe ainda mais quando Carlinhos entrou no lugar do Roberson. Pressão da equipe de Ribeirão Preto, e com inúmeras bolas rodeando a área do Elias e de tanto insistir....o empate veio quando Samuel Santos dribla a zaga, após um rebote da zaga bola voltada para ele e ele bate colocado para o empate da equipe comandada por Márcio Fernandes. E no final o 1 a 1 no placar onde o empate pelo o teor do jogo, não agradou ninguém.

Griezmann decide e França segue em frente na Euro

Foto: Facebook Euro 2016



É do 2 a 1 de manhã que falo, a França sofreu mas quando a porteira se abriu quase que ampliou o placar, porém a classificação veio em favor dos comandados do Deschamps.
O Jogo mal tinha começado e era pênalti em favor da Irlanda, Brady bateu e fez o 1 a 0 desde já. Depois disso, inteiramente durante a partida era 1 time atacando e o outro segurando. França pressionava a Irlanda o tempo todo, parava no Randolph toda a hora quando criava oportunidades e assim foi.
Eis que na segunda etapa, esta pressão francesa foi na mesma. Chances a vera e ainda quase tomou o segundo quando o Lloris impediu o gol tomado. Matuidi, Koscielny, Payet e demais oportunidades onde o gol não saiu.
Até que o Deschamps botou Griezmann e em 4 minutos de jogo a virada francesa com porteira aberta aconteceu. Empate no cruzamento do Payet onde o camisa 7 francês tocou de cabeça e a virada surgindo com assistência do Giroud para o gol e quase o terceiro gol veio com o próprio Griezmann e a Irlanda pouco fez pra virada acontecer.
No final, classificação de quem queria algo, deu França.
E os jogos de ontem? Polônia classificada, País de Gales classificada e a sofrida classificação de Portugal no gol do Ricardo Quaresma sobre uma Croácia que estava bem melhor que eles, mas o mata-mata é inabalável neste quesito de equipes inferiores derrubarem as mais fortes num dia inspirado.

Uniceub Brasília em destaque

Virou um clássico nas postagens aqui, pegar sempre um destaque do Uniceub Brasília em postagem separada. Algo que até dei uma leve destacada em outras postagens perdidas no meio delas.
Só que agora de forma mais detalhada, um resumo e com opiniões sobre a situação do Uniceub Brasília que está pensando na temporada 16-17 onde jogará NBB e Liga Sul-Americana(e sem falar na Liga das Américas, se for campeão). Vamos aos destaques:





QUEM FICOU ATÉ O PRESENTE MOMENTO?
Volto a dizer sobre o quanto é importante manter a espinha dorsal da equipe, em qualquer esporte isso é importante inclusive no basquete onde se você perde 2, 3 peças importantes pra repor com algo igual além de gastar grana terá que fazer a escolha certa pra não se precipitar e ter que tirar o atraso com a temporada em andamento.
As renovações de Pilar, Jéfferson Campos, Deryk, Guilherme Giovannoni, Fúlvio foram justíssimas e foram um senhor ponto para um recomeço de briga pelas cabeças, algo que na temporada passada já merecia algo mais e nesta mais ainda.



E QUEM SAIU?
A este que vos fala não me agradou a notícia de Cipolini não permanecendo na equipe e indo pra Franca, em rotação ele ajudaria demais a equipe.
Já a de André Luiz Coimbra...creio que essa agradou a todos, embora no decorrer do campeonato ele não foi tão mal, só que a equipe precisa levantar o nível.
Vi que Victor Pureza foi liberado também, imagino que equipes de porte menor consigam fazer com que ele jogue e até possa evoluir porque tem talento pra isso.


E QUEM CHEGOU?
Até o presente momento, foram rigorosamente 3 contratações no Uniceub Brasília. Uma delas de alta qualidade, o ex francano e ex mogiano Lucas Mariano onde vai ser mais um cara que vai jogar aberto e que vai chutar bola de fora bastante se derem espaço. Boa contratação.
Já  outra contratação trata-se dele que estava sumido anos atrás nos EUA, ninguém sabia dele até ele ir pra NBA e jogar no Boston Celtics alguns jogos e tentou se firmar em equipes por aqui. No Paulistano durou pouquíssimo até dizem por problemas extra-quadra que testaram a paciência da turma na Rua Colômbia(LEIAM BEM: ATÉ DIZEM!!) e na temporada passada estava na Liga Sorocabana onde em números ele tinha ido bem na equipe de Rinaldo Rodrigues. Falo do pivô Fab Melo que também é outro reforço da equipe do Uniceub Brasília. A este que vos fala, não me agradou, até o acho tecnicamente fraco. Até penso que ao lado da triste notícia do Cipolini as péssimas notícias do momento, no meio de tanta notícia boa.
E quase ia me esquecendo de Alex Oliveira ex Caxias, Bauru, Paulistano, São José.....bom reforço pra rotação também.



SOBRE RONALD....
Há uns dias atrás, o José Carlos Vidal(atual diretor da equipe) tinha gravado uma entrevista a turma do Globo Esporte DF da Globo e ele explicou que vai aguardar a situação que é bem triste sobre o Ronald ter sido flagrado em exame anti-doping e até colocou o clube na disposição e acolhimento do jogador.
Até em postagens mais atrás cheguei a comentar do assunto, só que nesta o Ronald acaba se perdendo e sem falar na carreira que fica manchada e necessita haver um controle danado sobre o que se pode tomar/consumir ou não para que este tipo de coisa não aconteça e que não haja falhas notáveis seja de um lado ou de outro.



BRUNO SAVIGNANI INDO PRA ARGENTINA?
Calma.....não se assuste com o título deste tópico não. O Bruno Savignani(que deve se entender por isso que ele fica também como treinador, o que é uma ótima notícia também) foi a convite(confesso que não sei até que ponto isso foi convite deles realmente ou por livre espontânea vontade) do Julio Lamas e do assistente Carlos Duro(ambos da equipe campeã da LNB Argentina San Lorenzo) acompanhar o jogo 4 que foi o último da temporada argentina já que o San Lorenzo fechou a série por 4 a 0 e com direito a foto dele com os dois lá no Ginásio Hector Etchart(ginásio do Ferro, que o San Lorenzo andou mandando seus jogos já que seu ginásio próprio não ficou pronto).
Que não tenha sido só um aprendizado com uma liga melhor que a nossa, que tenha sido um laço pra manter as temporadas de preparação na Argentina....algo que faz bem ao clube e até intercalando talvez com amistosos com os mesmos argentinos pra atrair o público na ASCEB, algo que seria uma excelente ideia, já que o Uniceub Brasília não tem campeonato local pra jogar e se preparar para as competições.




ELENCO DEFINIDO?
Que nada, ainda sinto que está longe de fechar o elenco e até deveria a equipe ficar bem atenta ao momento do mercado embora as vezes não se tem grandes opções no mercado. Estrangeiros? Poderia até ser, só que se nota que a turma lá não tem paciência com eles, vai que isso tenha mudado e não sabia, afinal não sou sabe tudo das coisas. Só lembrando e isso aprenderam com a temporada passada: Rotação é importante e providencial nos dias de hoje, não adianta só um quinteto titular apenas.




E O ARTHUR?
Anos, temporadas depois....o Arthur é dispensado do Uniceub Brasília. A temporada passada foi composta por lesões que fizeram o camiseta 4 simplesmente ficar menos tempo em quadra. Nem as NADA acrescentáveis entrevistas dadas as rádios, TV´s e por ai vai tiram o quanto de história que ele tem com a torcida, com o clube conquistando títulos e fazendo tudo o que fez dentro da quadra.
Só temos que agradecer aos serviços prestados ao Arthur, Obrigado!!!
E vale o registro até pra quem não tem conta no Facebook pode ver, a homenagem da Torcida Uni ao eterno camisa 4 que agora está sem clube até o presente momento e foi dispensado: https://www.facebook.com/TorcidaUniBrasilia/photos/a.444298845642418.102174.163890557016583/1115906885148274/?type=3&theater





É isso até o presente momento e só pra fechar: Em outras temporadas onde as críticas eram para a demora de planejamento da equipe partindo isso de todos os lugares, sempre havia uma desculpa para a tal demora que lá pra julho, agosto que sempre se sabia sobre o elenco a ser montado e a apresentação. Só que este ano até o presente momento não posso reclamar da parte que mais preocupa a todo mundo e que continuem assim, se planejando com antecedência, pois é a antecedência que faz ganhar tempo ao invés de perder tempo. Não posso reclamar até o presente momento e que a turma no Uniceub Brasília continue assim, não pode parar. E aqui é assim: Elogio, Crítica e sugestão sempre que necessário.

sexta-feira, 24 de junho de 2016

Magnus Futsal vence e estreia bem na Copa Intercontinental de Futsal

Foto: Facebook/Associação de Futsal do Catar





Catar é o palco, e a Copa Intercontinental de Futsal continua. Se a ACBF não estreou bem, o Magnus Futsal de Sorocaba com direito a gol de Falcão....fez o 4 a 2 sobre o Benfica e estreou bem na competição onde amanhã encara o Al Rayyan(jogo apenas do Sportv, já que a Rádio que cobre os jogos da equipe não vão passar e tampouco a outra descoberta que fiz com relação a rádios e que logo estará no Blog do Igor).
Falando da partida, sem firulas.....tivemos um primeiro tempo com amplio domínio sorocabano e com o Tiago sendo pouquíssimo exigido. Claro que após inúmeras defesas do goleiro da equipe Portuguesa, os gols sairiam. Rodrigo de falta e Falcão no segundo gol quando cobrou lateral(quase o mesmo replay do gol tomado da ACBF anteriormente contra o Dinamo, um dos gols tomados na verdade) e a bola desviou no defensor do Benfica onde enganou o goleiro para ampliar o placar.
Na segunda etapa, o Benfica foi para tentar descontar, mas não vi criar tantas chances assim sem contar o apelo ao goleiro-linha e abriu espaços para que o Magnus liquidasse o jogo, como fez o Keko batendo forte para o gol e um 3 a 0 no placar onde tudo parecia ficar liquidado.
Parecia, pois o Benfica descontou com uma penalidade boba feita e marcada pela a arbitragem. Bruno Coelho descontou, mas o Magnus tratou de fazer o quarto com gol vazio e de perna esquerda.....mais um do Falcão e ainda deu tempo da equipe lusitana descontar com Alan Brandi.
Estreia com grande atuação, estreia sem muitos apertos e amanhã jogará pra já garantir a classificação os comandados de Fernando Ferretti.

ACBF estreia mal na Copa Intercontinental de Futsal

PS: Infelizmente sem foto pra ilustrar a postagem!






Catar, palco desses dias da edição 2016 da Copa Intercontinental de Futsal e com as vidas de ACBF Carlos Barbosa e Magnus Futsal no meio.
Só que a ACBF de Carlos Barbosa não estreou nadinha bem, tomou a virada e perdeu de 3 a 2 e agora precisa se reabilitar no jogo de amanhã contra Taisat do Irã, jogo esse que terá Sportv televisionando e a Rádio Estação FM in loco direto do Catar(Rádio de Carlos Barbosa que sempre está presente quando a tradicionalíssima equipe gaúcha joga eventos assim).
E o jogo? Gol rápido a 10 segundos e o começo daqueles para a Laranja Mecânica, Rafa marcou para a ACBF. E durante a primeira etapa, jogo movimentadíssimo em grande parte do tempo com chances pra ambos os lados, os dois goleiros tendo que trabalhar bastante.
Até que nos últimos 6, 5 minutos de primeiro tempo....a equipe Russa que no seu elenco possui 8 brasileiros(dentre eles peças conhecidas antigas do nosso futsal como Cirilo e Ari) melhorou e tomou conta da partida até chegar o empate faltando 3 minutos para o intervalo, Cirilo tentou tocar na primeira mas a bola voltou pra ele que chutou indefensável para o goleiro da ACBF. 1 a 1 no placar.
Na volta de intervalo, a ACBF não voltou tão bem e ainda viu a equipe russa girar seus jogadores mesmo não tendo muito o que girar e o gol saiu na quase metade de jogo quando o lateral foi batido por Rômulo e a bola desviou no Grillo e no goleiro Deividi para a virada russa no jogo. E depois disso, a ACBF tentou o gol mas via uma equipe que de calma não estava e o time russo aproveitou para o terceiro gol em jogada bem produzida, lançamento onde Ari escora de cabeça e Fukin chega batendo para o 3 a 1.
Depois disso, Canabarro de goleiro-linha na tentativa do Marquinhos Xavier que não deu certo, a equipe russa do Dinamo segurou e só deu tempo do Zico descontar para a equipe gaúcha e ficar no 3 a 2 onde deu Dinamo Moscou.