segunda-feira, 31 de outubro de 2016

América MG 1 x 0 SP: Série A 2016 no blog!

Foto: Agência Estado




Figueirense, Santos, Botafogo, Inter, Atlético PR e agora o São Paulo a ser mais um que volta perder pontos para o candidato a ex lanterna do campeonato passando o Santa Cruz, o América aprontou das suas e na fase que o São Paulo tem se encontrado como um dos piores anos marcados e cheios de problemas, beira a não ser loucura achar que era jogo com cara que o América faria algo. E fez, 1 a 0, jogando por uma bola e nela que foi até o final.
O São Paulo criou oportunidades? Sim
O São Paulo foi bem? Não
Porque o São Paulo apesar das oportunidades não foi bem? O mesmo futebol repetido de demais rodadas do campeonato, onde não agrada de forma alguma e fica naquele toque pra um lado e pra outro sem objetividade que não muda e o Ricardo Gomes consegue o feito de perder jogo igual os treinadores de Figueirense, Santos, Botafogo e Inter.
O Jogo sinceramente não foi lá aquelas coisas, foi um jogo que deixou gente no tédio. O América recuadinho, fechadinho e o São Paulo tentando furar a zaga americana. E o cara do jogo foi ser João Ricardo que fechou o gol, no primeiro tempo em lances de David Neres(que vamos ser sinceros, entrou no senhor sufoco da fase tricolor, não foi nem lançado com calma e sim como opção no famoso "vai e resolve") e do Cristian Chávez, depois na segunda etapa teve ao menos umas 2, 3 defesas do goleiro do Coelhão onde o São Paulo  criou, criou mas nada feito.
O Gol do jogo saiu na primeira etapa, 26 minutos em que no lançamento no contra-ataque para Michael que emendou de primeira e o Dênis voltou a falhar como sempre, mal colocado de fato.....o atacante americano também viu que não se tinha goleiro no gol de fato a pegar, e foi acreditar no chute para marcar o gol que resultou no América pontuar no campeonato.
A pressão são-paulina ocupou grande parte da partida, mas parava em João Ricardo, parava na péssima qualidade de alguns e sem falar até em bola batendo na zaga além dos cruzamentos que nada dão certo. No apito final do árbitro, o América comemorou demais e o São Paulo ainda busca aquela pontuação que faz o time escapar, só assim mesmo porque o ano em si foi uma catástrofe, muito graças a política são-paulina e muito mais.
É isso e daqui a pouco mais do esporte com os jogos do dia na LNB Argentina.

Com direito a prorrogação, San Martín vence a Libertad na LNB Argentina

Foto: 24 Segundos(@24seg no twitter)



Se no Héctor Etchart em Buenos Aires tivemos emoção no último instante de jogo marcando a vitória do Argentino de Junín sobre o Ferro....no Fortín Rojinegro em Corrientes tivemos até prorrogação no jogo em que transformou em vitória do San Martín de Corrientes sobre o Libertad. E verdade seja dita, o Libertad quase que perdia o jogo no tempo normal, o San Martín de Corrientes estava bem longe de fazer aquela atuação merecedora de vitória, só que 2 ataques no final e até passou a frente.....se não é a cesta do Juan Brussino....era o San Martín vencendo sem prorrogação. É do 82 a 79 final que falo na postagem do Blog.
No primeiro quarto de jogo, o aproveitamento nas bolas de 3 foram o forte do Libertad, a equipe de Sunchales abriu um 14 a 6 que até forçou o Sebastián González a pedir tempo. Depois do tempo, o San Martín voltou melhor e com direito a jogo interno sendo muito usado. Com isso, virada no placar e 21 a 19 no fim dos 10 primeiros minutos.
No segundo quarto, sequência de 11 a 0, 30 a 21 aberto e o Libertad do Facundo Muller que estava muito bem no jogo. Já o San Martín mal se encontrava de fato. O Libertad dividiu muito as tarefas de pontuação enquanto o San Martín simplesmente tentava reagir mas sem sucesso....o Libertad dominou o quarto e foi pra o intervalo com um 39 a 32 a seu favor que não era surpresa devido a boia atuação feita, ainda mais com Juan Brussino e José Vildoza no comando.
Na volta do intervalo, o que teve destaque dentro do terceiro quarto de jogo foi o famoso equilíbrio de ambos os lados. Se o San Martín virava, era uma vantagem bem pequena a ser aberta e muito com aparições de Cantero, Faggiano, Wood e até Reynaldo García(quando esteve em quadra, porque não se pode contar com ele na prorrogação). Com isso um 57 a 48 onde tudo se resolveria no último quarto, parecia......
No último quarto, muitos erros de ambos os lados. José Vildoza, além de Massey e até o Goldenberg mantendo o "Tigre" de Sunchales na frente. Até que quando o Libertad tinha os ataques pra definir o jogo, em 2 ataques o San Martín chegou ao placar. Pulo para o último minuto de jogo, bola de 3 do Faggiano, sequência de ataque péssima para o Libertad e o Cantero no ataque seguinte mete uma bola de 3 pra marcar 70 a 68 restando 14 segundos, 14 segundos a posse que o Libertad tinha que tentar forçar a prorrogação.
E surge o lance desse link aqui: https://twitter.com/FernandezLea/status/792912957416042496 Juan Brussino, no mano a mano com Wood(pra alguns o famoso Mismatch) e fez a cesta do empate....ainda restava 1 segundo para uma oportunidade e a bola do Cantero quase foi a bola da vitória, mas a bola chorou chorou e não caiu. Empate em 70, prorrogação no Fortín Rojinegro.
E na prorrogação, mostrou quem estava afim de jogo, parecia que o jogo tinha começado do zero. Mainoldi de fora, Wood por dentro, pra abrir 6 pontos de frente e administrar o placar que o Libertad não conseguiu nem chegar e no final um 82 a 79 em jogo dramático e em atuação que não convenceu do San Martín e o Libertad esteve com o jogo nas mãos, há que destacar.
Cestinhas/Maximos Puntuadores: San Martín de Corrientes teve 20 pontos do Jeremiah Wood, 16 do Aguerre, 15 do Faggiano e 14 do Reynaldo García. Já o Libertad de Sunchales teve 19 pontos do José Vildoza, 15 do Massey e 10 do Sebastian Vega.
E nesta segunda tem 2 jogos da LNB Argentina, tem Instituto-La Unión de Formosa e Hispano Americano-Quilmes. Os dois jogos as 10 da noite no nosso horário e 9 da noite no deles.

domingo, 30 de outubro de 2016

Na LNB Argentina com direito a final eletrizante, Argentino de Junín vence Ferro no Héctor Etchart

Foto: Bandeja Olímpica(@bandejaolimpica no twitter)




Final eletrizante, onde quase que o Ferro consegue virar sua partida, mas o Argentino de Junín superando as limitações que todos sabem que são existentes na montagem da equipe comandada por Japez consegue uma grande vitória e igual na temporada passada vence a primeira fora de casa no mesmo Héctor Etchart em Buenos Aires contra o Ferro, é do 81 a 80 que o Blog fala na postagem, e o assunto é a LNB Argentina que não para.
Falando do jogo, tivemos um primeiro quarto equilibrado e assim foi até a reta final do quarto onde Facundo Zárate e Gadson levaram o Argentino de Junín na dianteira do placar,  e com isso um 20 a 18 em favor do time de Junín.
No segundo quarto, brilhou a grande defesa da equipe de Junín que de novo foi suprir dificuldades e falta de qualidade a parte. E se viveu pra que Emiliano Basabe fosse pegar mais rebotes num garrafão onde tem Ramon Clemente no meio, além do Basabe, o grande porte do sempre capita Juan Cangelosi, Zárate e Gadson pra abrir um 32 a 23 claro e direto no quarto. Claro que após o tempo pedido por Castiñeira o Ferro melhorou e até baixou pra 5 pontos, mas não foi o suficiente para a equipe Verdolaga chegar no placar e o Argentino de Junín num excelente quarto, foi para o intervalo com a diferença de 10 de frente, 42 a 32 em favor do Argentino.
Na volta do intervalo, o Argentino por duas vezes se viu pressionado no quarto. Abriu vantagem, tentou manter a vantagem conquistada antes do intervalo, mas viu uma partidaça do Balbi que praticamente levou o Ferro nas costas contra a sua ex equipe, até chegar ao empate faltando uns 3 minutos na bola do Lucho Tantos e até em outra que fez o Martín Cuello. Só que isso foi nada em vão, uma cesta e falta no Emiliano Basabe onde fez o Argentino de Junín terminar com a vantagem na frente e um 63 a 58 embora tudo seria decidido no último quarto.
Último quarto de jogo, o Argentino de Junín chega a abrir 8 pontos de frente, só que de novo não consegue administrar e os últimos 3 minutos foram de pura indefinição e com Balbi de novo sendo o cara no ataque do Ferro. Primeiro em espalhar a defesa e servir a bola de 3 do Cuello, depois em bola que não deu em nada mas o Ramon Clemente pegou o rebote e fez a famosa enterrada e essa vantagem caiu pra apenas 2 pontos. Os últimos 3, 4 ataques do Argentino de Junín foram ataques inexistentes, que não deu em nada e o Ferro estava no jogo....Balbi sofre a falta, cobra os dois, deixa tudo igual em 80 e tínhamos um jogo no Héctor Etchart.
Faltando 19 segundos na posse do Argentino de Junín, falta fora do lance do Ramon Clemente sobre o Chaz Crawford. O Crawford só converte um dos lances livres disponíveis, 81 a 80 e 19 segundos para a posse verdolaga para a tentativa de vitória depois do tempo pedido por Castiñeira.
E eis que mostro esse vídeo onde a jogada sai mal armada do Franco Balbi e no final o Argentino vence o jogo de forma importantíssima fora de casa: https://twitter.com/BandejaOlimpica/status/792892890485760004
Cestinhas/Maximos Puntuadores: O "El turco de Junín"(como é conhecido o Argentino de Junín) teve 19 pontos do Gadson, 18 do Cangelosi, 12 do Zárate e 10 do Crawford. Já o "Verdolaga"(como é conhecido o Ferro) teve 24 pontos do Franco Balbi, 16 do Ramon Clemente, 12 do Nacho Alessio e 11 do Maldonado.





PS1:As mudanças na LNB Argentina seguem. Obras muda de estrangeiro, Darnel Harris vem na contratação "del tachero". Já o Echague cortou o Ruíz Moreno e amanhã vai ter a anunciação de um novo nome que seria um estrangeiro na equipe paranaense.
E daqui a pouco o outro post falando de San Martín x Libertad de Sunchales lá no Fortín Rojinegro.

No amistoso de Futsal, Brasil vence Paraguai em Sorocaba

Foto: Yuri Gomes/ Elite Comunicação



Arena Sorocaba, palco de amistoso da seleção brasileira onde perante problemas de não liberação, perante convocações e até a não oficialização de quem será o novo treinador da seleção para o projeto Mundial de Futsal 2020 mesmo assim jogou contra o Paraguai, passou sufoco, teve erros e mais erros mas no final conseguiu vencer o 6 a 3 final.
Falcão disse no final do jogo que no que puder jogar ele vai jogar, alias vou aderir uma frase do Baixinho Romário quando jogava: "Ninguém vai me parar não" ou seja, se Falcão se sentir apto pra jogar, ele vai jogando, assim como vários outros profissionais seja eles do futsal e de demais esportes, podemos as vezes acharmos diversas opiniões, agora a decisão de parar é total decisão dele próprio.
Via gente levantando que hoje seria o começo do projeto e de uma remodelação da equipe brasileira, só que o time não sabe nem quem vai treinar.....como pode falar em começo de novo ciclo com convocações de última hora e demais mudanças? Quando alguém assumir, aí podemos ter alguma filosofia na seleção de futsal e até talvez vendo jogadores da nossa Liga. Até a convocação brasileira, teve a base dela do Magnus e a outra base que tinha do Corinthians, tira uns poucos jogadores que são do resto e os europeus que não foram liberados.....é o que se passa de fato pra ninguém ficar assustado. No decorrer do trabalho e das notícias é que saberemos como será a seleção até 2020, tem muito o que rolar.
E o jogo? Como foi esse 6 a 3 em Sorocaba(No jogo de Sportv, Globo e Rádio Web de Prima)? Conto pra você.
Na primeira parte do jogo, o Paraguai mal teve sustos e até teve os seus ataques. O Brasil sempre foi se impor no jogo, alias em confrontos assim sempre se espera um time se defender e esperando uma falha para tal. E essa falha aconteceu, Tiago até saiu junto com o jogador do Paraguai mas a bola sobrou para o Villalba tocar para o gol vazio e o placar ser aberto em Sorocaba.
Depois disso, se o jogo era todo a afeição paraguaia, após o gol o Brasil teve que ir atrás, criou algumas oportunidades mas parou no goleiro Espíndola e o gol era questão já de tempo. Empatou restando 3 minutos para o fim do primeiro tempo em bela trama que parou no final com o gol do Gadeia, 1 a 1. E a virada surgiu na quase última bola do primeiro tempo, Jackson bateu para o gol, soltou aquela bomba sem chances para o goleiro paraguaio e o 2 a 1 pra fechar o primeiro tempo.
Na segunda etapa, o Brasil pareceu que não voltou do intervalo, não voltou e ainda de quebra viu o Paraguai se empolgar no jogo ainda mais na eficiência das bolas paradas. Bernal na sobra do Tiago que tinha feito uma baita defesa no chute, marcou o empate paraguaio e na bola parada o Salas virou para o Paraguai botando até um alerta pra seleção brasileira no jogo.
Depois disso, 3 a 2 no placar, o Brasil teve que ir na rotação da garotada e inclusive a estreia do jogador do Corinthians Leandro Lino que teve momentos em quadra e ele foi ser destaque na partida. Ele ajudou demais o Brasil e o empate veio com ele, e a virada também veio com ele em lances que era questão de tempo que aconteceria isso. 4 a 3 no placar, o Paraguai teve que se lançar e com isso surgiram os tais espaços.
Espaços esses que vieram as tabelas, veio o 5 a 3 em jogada toda da turma da Intelli. Jackson e Gadeia, na tabelinha marota que terminou no gol do Gadeia e no final teve penalidade que Falcão marcou o seu primeiro gol na Arena em Sorocaba e no final um 6 a 3 que o Paraguai vendeu caríssimo.

Observações, Opiniões e tudo mais nesta madrugada

Vamos a elas, sem firulas!!
Só lembrando, o Blog existe nas redes sociais, se você quer acompanhar todas as atualizações, coberturas e muito mais.....tem dois canais nas redes sociais que você pode acompanhar:
-Twitter? Se você tiver é o @blogdoigor05
-Facebook? Se você tiver é o facebook.com/blogdoigor05





-Que tal começar a falar sobre o que pude me ligar hein? Começo com o futebol. Série A que acompanhei os jogos das 6 e meia em diante, só lembrando que teve o Flamengo empatando no Mineirão por 2 a 2 contra o Atlético MG, o Atlético PR vencendo o Cruzeiro por 1 a 0(E me falaram que o jogo foi apertado, com Weverton fazendo defesas e muito mais na Arena da Baixada) e a Chapecoense arrancando um senhor empate em Itaquera contra o Corinthians por 1 a 1.
-Jogos que vi da série A:  Falarei primeiro de 2 jogos que não passaram do 0 a 0, um deles foi Figueirense x Grêmio onde o reserva do Grêmio só não venceu o jogo porque Gatito Fernandez estava inspirado no jogo, o Figueira que se complica de vez no campeonato ainda mais pela a forma que desencadeou esta rodada. Sobre a confusão de intervalo onde teve gente quebrando vidro de proteção, policial em cima de bandidos que estavam ali e muito mais: Só reflete a fase ruim do clube, onde tem essa cambada que até alguns deles acham ruim os protestos de alguns contra essa diretoria que está aí no Figueirense e surge esses embates que a polícia tem que intervir mesmo. E se tem algo que não precisa ser levado culpa a essa atual campanha, esse algo se chama o torcedor que está lá prestigiando tudo.
Já o 0 a 0 com grande público na Ilha do Governador entre Botafogo x Coritiba, não conseguiria sair aplaudindo a equipe, ao menos ficaria quieto, sem tomar atitude alguma, mas a ponto de ficar aplaudindo empates, derrotas e por ai vai....estamos educando e criando uma identidade de torcida que simplesmente é passiva demais e isso não agrada ninguém, daqui a pouco vão achar normal demais coisas que antes não era. O Botafogo teve varias invenções e peças que não desenvolveram nada e o Coritiba que jogava pra empate, conseguiu o que queria no Rio, empate esse que não duvide que seja os pontos que o Coritiba tanto precisa pra fugir de uma série B.
-Se Kléber Gladiador merece estátua no Couto Pereira por fugir do rebaixamento, o Marinho do Vitória não mereceria uma no Barradão se fazer o Vitória fugir da segunda divisão? Pra seguir a coerência de alguns.
-Outros jogos que me liguei, um deles foi o 1 a 1 entre Inter x Santa Cruz onde prejudicaram de forma colossal o colorado. O Santa Cruz que pouco chegou, pouco fez no jogo inteiro, e quando fez foi o gol numa vacilada colorada, gol do Léo Moura alias.
Já o Inter, perdeu gols feitos, pressionou, mas criou vacilos demais para um jogo onde era necessário os 3 pontos e no final não tinha nem como resultar em vaias a tudo que acontece e a torcida precisa ser isentada, ela tá fazendo a sua parte mesmo sabendo da ruindade da equipe, e claro que em resultados desse aparece o Fernando Carvalho cada vez mais se queimando a sua própria imagem no clube, tem que ele que ficar apagando incêndio não sei se isso é bom para o próprio Fernando.
-Já o Palmeiras, perdeu na Vila Belmiro e até fez o Santos encostar nos primeiros colocados, passou o Galo que tropeçou e encostou na dupla Flamengo e Palmeiras. Gol do Copete em um clássico que foi chato e decisivo nos famosos detalhes, pra ser bem mais exato.
-Na série B, nada posso dizer no quesito como foi os jogos. Só comunicar os jogos e citar ao menos 1 resumo de jogo: Bahia 3 x 1 Ceará(http://metro1.com.br/noticias/esportes/24372,com-show-de-regis-bahia-vira-e-vence-o-ceara-por-3-a-1-na-fonte-nova.html), Paysandu 2 x 1 Sampaio Corrêa e Tupi 1 x 0 Vila Nova(Surpresa alias, http://portal730.com.br/vila-nova/vila-nova-e-derrotado-pelo-tupi-e-da-adeus-as-esperancas-de-acesso e acho que a subida já foi pra o Vila Nova).
-Já na série C, tudo será decidido para a volta em Varginha. Com direito ao resumo do Só Derbi, mostro um resumo de como foi Guarani 1 x 1 Boa Esporte, e a volta com o empate em 0 a 0 favorece o Boa, já de 2 a 2 em diante dá Bugrão: http://soderbi.com.br/diante-de-16-mil-torcedores-guarani-e-boa-empatam-no-primeiro-jogo-da-final/
-Na segunda divisão Catarinense, tivemos o Barra batendo por 3 a 1 o Concórdia. Se neste domingo Barroso e Tubarão vencerem, sobem pra Série A do Estadual. E com rodada de antecipação, alias até jogo que nada vale(como observou o Rodrigo Santos muito bem) vai entrar pra Loteca da Caixa Econômica Federal, falo de Jaraguá x Marcílio Dias.
-Vôlei no destaque, teve o jogo que até me liguei um pouco, o famoso jogo do rádio.....o Nestlé Osasco estreou com um 3 sets a 1 sobre São Caetano em jogo que teve até homenagem pra Camila Brait no fim de jogo porque era o aniversário dela. Foi jogo das rádios Gol & Rock e Rádio Poliesportiva, rádios essas que farão muito parte nos jogos do vôlei e do basquete, ainda mais na seara São Paulo-Osasco e até Mogi dependendo da situação, podemos dizer assim. E segue a galera reclamando que a TV não transmite nada, como o Brasileiro tem uma mania em geral de depender só dela porque sem ela não existe sendo que o rádio tá lá abraçando, viu!!! Tem gente que reclama porque quer. E teve o Sada Cruzeiro ganhando a Supercopa sobre o Brasil Kirin no jogo que foi em Fortaleza, e tome título para a melhor equipe atualmente no vôlei brasileiro masculino, falo do Sada Cruzeiro. Também tivemos, o time de Montes Claros vencendo o time de Canoas. E quase ia me esquecendo do não televisionado de nada, Taubaté vencendo o Caramuru/Castro por 3 sets a 0 na estreia tranquila da equipe do Vale do Paraíba.
E Sesi x Rio do Sul, é o televisionado do Sportv no domingo, além da Gol &Rock que passará o jogo em Santo André.
-No Tênis, tivemos o ATP de Viena com a final entre Murray x Tsonga(Ferrer desistiu na primeira semifinal contra o Murray, teve WO), tivemos também Nishikori x Cilic fazendo a final na Basiléia e a final do WTA Finals entre a Kerber x Radwanska. Assim o andamento de tênis no momento e que logo terá o último Masters 1000 do ano que é o de Paris no Bercy.
-Bom resultado no Judô: Valéria Kumizake é vice-campeã mundial no kumite até 55kg do Mundial de Karatê em Linz, na Áustria, grande notícia apesar do vice-campeonato que ninguém gosta, como falava anteriormente na época dos Jogos Olímpicos: EXISTEM RESULTADOS e Resultados.
-Ainda volto no futebol, o Futebol Argentino não para. Destaco o 4 a 0 do Boca na La Bombonera vencendo o Temperley: https://www.youtube.com/watch?v=QJkqN28HxGA e além desse jogo tivemos Vélez Sarsfield 0 x 2 Talleres, Independiente 0 x 0 Gimnasia e Belgrano 0 x 0 Quilmes.
-E a NHL não para: https://www.nhl.com/scores
-E a MLB? Beisebol não para: http://m.mlb.com/scoreboard
-Volto ao Futebol, Copa Paulista rolando com as quartas de final e um dos destaques é Rio Claro que venceu São Carlos por 2 a 1 e encarará o XV de Piracicaba nas semifinais, mostro o resumo da turma do A Toda Hora lá de Rio Claro: http://www.atodahora.site/rio-claro-fc-vence-o-sao-carlos-por-2-1-e-vai-enfrentar-o-xv-de-piracicaba-na-semifinal-da-copa-paulista/
-Programação televisiva desse domingo por aqui: http://auvaromaia.com/2016/10/29/programacao-esportiva-na-tv-neste-domingo-61/ via Auvaro Maia.
-Vamos a parte do Basquete. A LNB Argentina teve acompanhamento deste que vos fala, em todos os jogos menos o duelo de Córdoba entre Instituto x Atenas que deu vitória em favor do Instituto por 72 a 69(http://basquetplus.com/articulo/instituto-volvi%C3%B3-festejar-en-el-cl%C3%A1sico-ante-atenas-72-69). Nos outros da noite, onde até este blogueiro se ligou de boa.....um deles será adversário na fase da Liga Sul-Americana da equipe do Uniceub Brasília e a mesma facilidade que o Quimsa teve, o Olímpico teve vencendo por 102 a 62 a equipe do Atl. Echague em jogo que todo mundo teve seu tempo de quadra e jogou, o Fernando Duró já meio que previa isso no fundo sobre poupar jogadores e dar tempo para os outros jogarem. Cestinhas desse jogo? 15 pontos do Guaita como cestinha do Olímpico e 15 pontos do Uranga e do Keeling no lado do Echague.
Já em outro jogo envolvente de adversário do Uniceub Brasília.......último quarto de forma bem destacável em favor do Weber Bahía no 77 a 50 sobre o Peñarol e muito na atuação da defesa e do conjunto do Weber Bahía e isso em partida que esteve em grande parte do tempo equilibrada e muito cheia de defesas. Há que destacar que Lucio Redivo na hora que o jogo desafogou, jogou bola e teve as suas bolas caindo......cestinhas do jogo? 15 pontos do Redivo no lado da equipe de Bahía Blanca e 15 do Roberto Acuña no lado do Peñarol(sim, o Acuña mesmo que jogou no Rio e foi convocado pelo o Hernandez).
-Já o Gimnasia entrou em quadra, jogou contra o Boca Jrs e superou todas as dificuldades de intoxicação expostas desde o jogo contra o San Lorenzo. Alias intoxicação essa que a Liga Argentina pensa em punir a equipe, se fosse assim o problema de caxumba que a turma do Libertad de Sunchales tem também era motivo de punição. O Duro é que essas coisas passam, e aí que surge toda a palhaçada.
O Gimnasia foi ativo, jogou bola e conseguiu a vitória ainda mais em atuação dos principais jogadores como McCullough, Shaw e Pitu Rivero. 88 a 71, Cestinhas do jogo? Gimnasia teve 20 pontos do Juan Manuel "Pitu" Rivero e do lado do Boca teve 17 pontos do Grego Lampropoulos.
Já San Lorenzo x Quilmes, jogo da Directv Sports e que pude honestamente pegar o último quarto no famoso relato do rádio já que encontrar link pra Directv Sports é mais complicado do que achar Bloco de Rua em carnaval. Não dá pra levar um jogo equilibrado como o Quilmes levou contra os comandados do Julio Lamas e no último quarto dar um famoso sumiço em 2, 3 minutos onde sem esforço o San Lorenzo abre 13 de frente e só administra a vantagem na superioridade clara de elencos.
78 a 61, cestinhas do jogo? San Lorenzo teve 15 pontos do Guillermo Díaz e do lado do Quimes teve 17 pontos do Iván Basualdo.
-E na Liga Uruguaia? Defensor Sporting fora de casa ganhou do Urunday Universitario por 88 a 71. Sendo que na sexta-feira teve o Hebraica y Macabi vencendo com direito a 38 pontos(isso mesmo!) do Luciano Parodi.
-Que fim levou a situação de Rio Claro, iriam até assinar o licenciamento da competição, só que voltaram atrás e até a LNB quer ajudar a situação, pra ao menos final do ano manter a equipe e aí....o novo prefeito que será do DEM decidir como será o investimento no basquete rio-clarense, que permaneça com o basquete na cidade, e quem acompanha sabe da minha sinceridade com relação a praças assim e não uma falsidade como alguns diretores e jornalistas pensam, o site A Toda Hora explicou bem a situação: http://www.atodahora.site/video-tudo-certo-nada-resolvido-situacao-do-rio-claro-basquete-segue-mesma/
-E o Palmeiras sub-19 hein? Tá com eles, assim como São José também....tentando se reerguer para voltar as principais competições. E vão se enfrentar na terça no Palestra Itália e sem papinho de "AIII ESSE JOGO É CLÁSSICO" aí é forçação de barra palmeirense que não cola. Alias, o que tem de gente que fica afim de levantar rivalidades e falsos clássicos....não tá no gibi. Palmeiras que tem a mesma campanha que a turma joseense, venceu Assis e perdeu pra o América e não dá pra entender porque o América está nessa sendo que joga a primeira divisão do Paulista.
-Finalizo a postagem dizendo que a F1 está rolando, terá GP do México embora está tudo resolvido por lá. Hamilton faz a pole seguido de Nico Rosberg e Max Verstappen.







É isso e logo com mais!!!!

sexta-feira, 28 de outubro de 2016

Na cobertura in loco da Superliga, Brasília Vôlei bate Pinheiros na estreia

Cobertura in loco, agora na Superliga Feminina, mais uma temporada com Brasília Vôlei jogando por aqui e o Blog do Igor marcando presença como faz bem durante a temporada, até deveria caprichar em coberturas com outros jogos certamente como até faço bem em outros esportes.
O jogo era apenas do rádio, a Web Gol e Rock tinha a eminência pra quem não pode ir, embora não achei eles. Só que o relato e o resumo in loco sempre são válidos e nesse 3 sets a 0 que confesso que não aconteceria não só pelo o Pinheiros ter se reforçado melhor, só que pelo o andamento que teve a própria partida.
Já de cara, destacar que na hora que o jogo apertou ou que estava 3, 4 pontos atrás....o Brasília Vôlei sempre teve reação, sempre teve um modo de reagir e isso em confrontos assim pode fazer uma senhora diferença. Outra coisa, é ver que o Brasília Vôlei não deve apelar tanto pra banco ou pra mais de uma líbero igual em outras temporadas, não lembro o Anderson Rodrigues usar o banco uma sequer vez, foi com as que tinham em quadra e o próprio Anderson mesmo com a equipe na frente meio agoniado com certas jogadas e erros que aconteciam.....isso é notável e relatado de fato. Já o Pinheiros andou devendo, não foi bem e na hora que tinha que administrar uma vantagem aberta....não foi bem assim.
O Prêmio Viva Vôlei assim como saiu para a levantadora Macris, se fosse pra Roberta, ou pra Vívian ou pra Paula Pequeno também não seria nenhuma novidade. Também podemos botar a Amanda que estava em boa atuação também. Já Silvana que é a líbero e a Andréia.....já se viu que terá ponto fracos e evoluções embora está no começo de Superliga e é importante estrear com um 3 sets a 0 que leva 3 pontos na tabela, algo que é super válido vitórias assim seja por 3 sets a 0 ou 3 sets a 1.
Sem meias palavras, falaremos do jogo....e primeiro no ilustre da foto do placar do set.
No primeiro set, o Pinheiros chegou a abrir 4 a 0 no placar, mas o Brasília Vôlei na sequência de saques da Amands deixou tudo igual e o placar esteve equilibrado em grande parte do set. Eis que a Andréia apareceu virando umas 3 bolas, o bloqueio sobressaiu em muitas jogadas e a equipe do Anderson Rodrigues chegou a abrir 24 a 22 e teve 2 set points que foram salvos do lado pinheirense e até com a Milka deixando o set empatado. Mas foi no bloqueio que o Brasília Vôlei conseguiu a vantagem necessária e o 26 a 24 da foto, para um importante 1 set a 0 no jogo.

Segundo set, o Pinheiros até chegou a ficar 3 pontos de frente e com a Bárbara virando bolas onde não se acharia que iria virar, até que....o Brasília Vôlei mais uma vez mostrou poderio de reação, empatou e virou o set além de abrir uma grande vantagem. Era Paula Pequeno, era Roberta, era Vívian, era Amanda e era o Brasília Vôlei dominando demais o set para fechar no 25 a 15 além dos bloqueios eficientes que parava seja quem fosse que viesse do outro lado, seja Maira, seja Tanya, seja Lays, seja Bárbara, seja qualquer atacante da equipe do Pinheiros, até a Mimi Sosa era parada e um jogo que parecia complicado, se tornou dessa forma.


Terceiro set, o jogo até começa equilibrado mas o Pinheiros de novo fica melhor no jogo e até abre vantagem, mas o Brasília Vôlei consegue empatar, bloquear demais, até em um dos rallys longos que tiveram, tudo terminou em um bloqueio e em um pontaço...isso deu uma senhora moral e em grande parte do set o Brasília Vôlei passou a ficar controlando os 2, 3 pontos na frente.....mas lá na reta final, o Pinheiros conseguiu em um saque onde a recepção se atrapalhou(Silvana que o diga) e num outro ataque lá no fundo para empatar o jogo, 23 a 23. Roberta vira a bola no ataque, 24 a 23 e Match Point a favor do Brasília Vôlei.
Eis que surge esse vídeo do Match point gravado por mim, um saque, Ananda levanta e o bloqueio do Brasília Vôlei aparece para o 25 a 23 e o 3 sets a 0 pra começar com pé direito a Superliga embora todos e todas sabem que é apenas o começo e tem muita água pra rolar, vídeo do Match Point que é esse, gravado por este que vos fala:




Próximos jogos das duas equipes? Pinheiros voltará a jogar contra Osasco na próxima sexta-feira as 9 e meia da noite(no horário de Brasília) e o jogo será em Osasco, já o Brasília Vôlei tem grande chance de repetir mais 3 pontos, encarará o SESI-SP onde já bateu em amistoso 2 vezes por 3 sets a 0 e no próximo sábado(não sendo amanhã) jogará as 6 da tarde(horário de Brasília) em Taguatinga lá no SESI, onde terá a estreia em casa e amanhã, domingo e terça continuará esta rodada de estreia da Superliga até com televisionado: Amanhã com Nestlé Osasco x São Caetano, domingo com SESI x Rio do Sul e terça-feira o duelo carioca(parem de falar que é clássico, viu?) entre Rexona Sesc Rio x Fluminense.





GALERIA DE FOTOS
Vamos a galeria de fotos, onde as fotos são próprias, deste que vos fala onde sempre em cobertura in loco tem delas. Imagens do jogo, hino nacional, imagem dos bancos, do público presente na Hans Nobling, a Macris recebendo o Viva Vôlei e o famoso cumprimento na rede e sem contar o aquecimento também dos dois lados.
Fiquem com as fotos, esta é a postagem do dia!!! Deu Brasília Vôlei, 3 sets a 0 sobre o Pinheiros.

















Observações, Opiniões e tudo mais nesta madruga

Vamos aos detalhes!!!!





-Começarei com o Basquete. Claro que o destaque inicial será sobre os presentes das equipes no momento.
Mogi x Gocil Bauru Basket e um grito entalado de 20 anos sem um título. Estava na hora de Mogi simplesmente conquistar título no basquete, fiz amizades em Mogi e elas estão sorrindo a toa no dia como ontem e numa partida onde tudo parecia que Alex iria na sua grande atuação botar um jogo 3 que seria sábado, mas em nenhuma surpresa e com superioridade ainda mais em momentos mais psicológicos do que de jogo embora se notava por um instante que ninguém queria ganhar....Mogi principalmente com Filipin liquidando a fatura fez o título acontecer pra quem esteve no Hugo Ramos, ou nos telões lá fora ou em casa, a turma Mogiana numa festa danada, 69 a 61, volta por cima do Guerrinha após ter sido demitido na "sem limites" e ganhou quem foi superior, quem levou tudo a sério e o título em mãos de forma merecida. Parabéns a imensa torcida mogiana, título a vista e pra festa total, tão de parabéns, foi justo demais.
-Ainda na final Paulista.....o Vitinho Jacob disse que o planejamento bauruense foi bom e que o vice-campeonato tem que ser comemorado? Foi o que ouvi no Jornada Sportiva/Auri-Verde de Bauru e tomei um senhor susto. Em que mundo eles vivem?
-Outra do Vitinho Jacob ao repórter Chico "é Verdade" José do Jornada Sportiva/Auri-Verde de Bauru: Foi ele confirmando a informação que o Luiz Lanzoni deu após o jogo, ou seja, a proposta que não dá pra cobrir, que não dá pra segurar sobre Rafael Hettshemeir que vai para o basquete lituano. Com isso, terão que ir atrás de um cincão no lugar dele e até querem ir atrás de um 4(sendo que poderia rolar mais um armador nessa hein?). A equipe bauruense que vem mais fraca, com poucos se salvando, deve melhorar no NBB mas não a ponto de bater outras equipes.......sejamos verdadeiros, na famosa honestidade. É a preocupação que não para do lado bauruense.
-Na final ainda do Paulista além da transmissão da Federação que até andei vendo o comando do José Luiz e do Frederico Batalha é até uma transmissão boa....tivemos além da turma do Rafael Antônio e o Jornada Sportiva/Auri-Verde de Bauru, também tivemos a galera da Gol & Rock no in loco e também tivemos a turma da Rádio Poliesportiva(que quer fazer jogo no NBB, conforme lembro de um dos locutores entrando com o projeto ainda mais com Pinheiros e Paulistano). Assim as opções que rolaram na final do Paulista.
-Já no Carioca onde teremos jogo 3 porque o Vasco forçou na vitória por 104 a 98(o Laudo pra liberar São Januário para a torcida, não foi conseguido e por isso tivemos ginásio vazio só com jogadores e imprensa). Estão falando que sábado será o jogo 3, mas nada confirmado até o momento.
E no quesito rádio e TV? Sportv2 nem passou o jogo, Globoesporte.com até disponibilizando transmissão ao vivo transmitiu o jogo(alias, se os direitos televisivos são da Globo, porque a turma do Globoesporte.com ainda mais para o Rio não pode entrar no circuito que pode fazer transmissões online? Seria outra opção a mais) além da Rádio Globo Rio e da BRADESCO ESPORTES FM RIO.....algo que me surpreendeu demais ver na imagem de São Januário e me deparar com a turma do 91,1 FM da Bradesco Esportes do Rio voltar a transmitir jogo, queria que no NBB tivéssemos TODAS essas opções, e opções fieis para que todos possam acompanhar as partidas inclusive aquelas que não há um televisionamento constante.
-E o Basquete Cearense? Continua no 100% na excursão pela China e a vitórias agora vieram sobre a seleção de Cuba. E Macaé? Reforçando com os estrangeiros Kendall Anthony e Lewis Leonard, Anthony é armador e o Leonard é ala....nem posso falar nada sobre os estrangeiros que estarão na equipe do Léo Costa. E quer uma dica? Fiquem de olho no Luiz Araújo no Triple Double que tem feito guia das equipes que vão jogar o NBB.
-Vamos a Superliga de Vôlei? Feminina, onde tivemos a vitória do Praia Clube sobre o Renata Valinhos em jogo que a equipe do Piccinin não teve tanta facilidade assim....o Valinhos vendeu caro a derrota, em outro jogo do Feminino tivemos o Vôlei Bauru(não é mais Concilig Vôlei Bauru porque mudou o master) vencendo o Minas por 3 sets a 1 e com 25 a 19 no quarto set(e o Troféu Viva Vôlei vai para Thaisinha da equipe de Bauru).
Já no Masculino, tivemos a vitória do Brasil Kirin Campinas vencendo o JF Vôlei por 3 sets a 1 e também o SESI-SP estreando e vencendo por 3 sets a 0 sobre Maringá em solo paranaense e a rodada nos dois lados continua nesta sexta e sábado.
-Gostei de um tema que a turma do Seleção Sportv levantou lá na quarta-feira que foi sobre jogadores atuais lembrando ou não dos antigos jogadores que marcaram história no cenário futebolístico do nosso país. E a discussão até veio com este momento do falecimento do Carlos Alberto Torres, "Aiii mas fulano lembrou do Capita", será que realmente lembrou ou teve algum trabalho de assessoria por trás no meio? A verdade é que jogadores atuais em sua maioria não estão nada interessados em conservar a história antiga do futebol, somado a clubes e a dirigentes que não estão nem um pouco preocupados e o supérfluo vira o mais valorizado num país tão hipócrita que vivemos, é assunto que super vale nesse momento.
-E esses ocorridos, inclusive o absurdo do caso Eron no jogo do Cruzeiro que levou a morte do torcedor no Mineirão? Só vale destacar o quanto existem de pessoas despreparadas que acabam virando um perigo a sociedade, existem pessoas despreparadas, ruins em todas as profissões como existem as boas e nisso que jornalistas e pessoas que criticam a PM de forma generalizada precisam entender ou até entendem mas não estão afim de nada demais além de polemizar.
Seja PM, seja de qualquer profissão.....incompetência, despreparo precisa ser punido e não valorizado como se não houvesse amanhã. Ocorridos como esse desanimam, nos fazem querer paz, nos querer afastar de tudo e ainda mais ouvindo hipocrisias vindas de jornalistas e de outros sobre determinado assunto onde a simplicidade e a atitude valem mais que um textão de Facebook. Seja da profissão que for, existem os competentes e os incompetentes e as vidas das pessoas não podem ser pagas com incompetentes assim. É caso pra afastar ainda mais comprovando todos os detalhes em que o Eron morreu pela a truculência desnecessária e demais agressões que TERIAM acontecido.
-E tome a temporada mal terminando e os show de chutes rolando pra saber quem vai pra tudo quanto é time, QUE SACO. Só sei que aqui vamos atrás de verdade, não ficarei comentando coisas que não são reais ou ir de chutes aqui, responsabilidade é responsabilidade.
-Então o Marcelinho Paraíba disse q iria para o Inter de Lages e horas depois foi de Campinense. A verdade q não dura 24 horas no futebol...
-E que grande notícia o Brinco de Ouro liberado e ainda mais com o Tobogã disponibilizado....teremos ao menos 18 mil pagantes na ida no sábado em Campinas contra o Boa Esporte pela a série C.
-Mexe-mexe de treinador na série B e no Bragantino foi a troca: Sai Marcelo Veiga(que logo deve voltar certamente....) e entra Estevam Soares, triste fim ao Braga na série B.
-To sabendo pelo o repórter Osmar Antônio da Rádio Banda B que o Kléber Gladiador ficará até o final de 2017. Já querem contar com o cara pra uma salvada de rebaixamento?
-E a atuação do Renan foi tão boa em São Januário contra o Vasco que, até o Battistotti(presidente avaiano) renovou com ele até 2018. Agora tem jornalista que gosto e sigo querendo forçar a barra, falando que o Renan faz parte de grandes goleiros do Avaí. APENAS PARE!!!
-No domingo, um dos outros destaques será o amistoso entre Brasil x Paraguai em Sorocaba as 10 da manhã com a Globo transmitindo. Será que as rádios que passam o Magnus também se tornam opção para o jogo? Falo de Cruzeiro FM, De Prima Web Rádio e a turma da Nova Tropical de Votorantim.......a conferir.
-Vamos aprender o nome do ginásio lá em Santiago Del Estero: Se o do Quimsa é o Ginásio Ciudad, o do Olímpico é o Vicente Rosales, viu. É de Basquete que falo e o La Banda é o bairro que está situado a equipe do Olímpico da Argentina. Mania da turma falar errado os nomes e depois a gente ter que ficar apagando incêndio é dureza.....
-Deu 3 a 1 do Audax/Corinthians na final da Copa do Brasil Feminina sobre São José e a turma até da Rádio Arquibancada Esporte Clube de São José foi in loco pra lá, gostei de ver a atenção dada a Águia do Vale. Um resumo do jogo? Via Jogando Juntos sobre esse título da parceria Audax/Corinthians lá em Osasco: http://www.jogandojuntos.com.br/2016/10/sao-jose-fica-com-o-vice-na-copa-do-brasil-feminina/
-Nem o gol do Palestino(https://www.youtube.com/watch?v=Nm9HTypM-q0) adiantou pra tentar tirar a vantagem do San Lorenzo na ida por 2 a 0. O time chileno só fez 1 a 0 e a Chapecoense vai encarar o San Lorenzo em dois jogaços que vale a pena se ligar.
-Aqui comigo: Pessoal assustado com o Guardiola ficando 6 jogos sem ganhar? Já viram o time que ele está e se meteu? Alias, é de uma puxação de saco qualquer coisa que se fala sobre o Manchester City, sabe? Sejamos sinceros e na hora do espanto não precisa ter olho clínico para saber como diria Jorge Benjor.
-12 Mil ingressos já marcados no jogo Botafogo x Coritiba na Ilha do Governador......que grande notícia, hein, deve lotar sábado.
-É o que acho: A maioria das Confederações desportivas não têm regras de governança corporativa. Ministério do Esporte deveria exigir isso delas.
-É cada um se candidatando na eleição do Fluminense que......pior que está, o clube sempre pode ficar.
-Vamos a duas postagens que li e queria destacar? A da Jéssica Cescon falando de Grêmio e a Letícia "Lekka" Sechini falando de Chapecoense, SENSACIONAL e a qualidade sempre lá em cima dos textos: http://globoesporte.globo.com/rs/blogs/especial-blog/torcedor-do-gremio/post/esta-acontecendo.html e http://espnfc.espn.uol.com.br/chapecoense/vamo-verdao/11470-chape-na-sula-o-calor-de-uma-noite-gelada
-Sobre Uniceub Brasília: Domingo eles partem para Santiago Del Estero tentar reverter, jogar e demais palavras que se encaixam pois precisam disso pra desbancar equipes que caíram e estão em ótimo momento. Só que antes dá tempo de estudar sábado o Olímpico x Echague da LNB Argentina.
-Kerber e Cibulkova venceram seus jogos no WTA Finals, já Murray venceu jogo em Viena, Wawrinka ganhou na Basiléia jogo duro contra o Young e os resultados do tênis está aqui: http://tenisbrasil.uol.com.br/resultados/2277/quinta-feira/
-Na NHL, os resultados do dia estão assim: https://www.nhl.com/scores
-E na NFL, quinta-feira com o momento do post vendo o Tennessee Titans vencendo sem problemas no jogo da noite.
-E a Euroliga que não para no Basquete hein? Aqui os resultados: http://www.euroleague.net/main/results
-E finalizo com o Auvaro Maia e sua programação televisiva nessa sexta, sempre propagando o post: http://auvaromaia.com/2016/10/27/programacao-esportiva-na-tv-nesta-sexta-feira-59/

Na LNB Argentina, Quimsa vence com extrema facilidade Echague

Foto: La Liga Nacional



Jogo que o Blog do Igor esteve ligado na noite da Liga Nacional Argentina e olha......não me lembrava de equipe marcando só 44 pontos numa partida, até lembro de jogo no NBB nesse desnível todo, mas na Liga Argentina não me lembro a última vez que teve um resultado desse tamanho e olha que Echague já chegou a ganhar jogo, já chegou a dar trabalho a outras equipes mas não desse jeito de marcar apenas 44 pontos. E deu ainda sorte que o Quimsa deu uma tirada de pé monstruosa, só marcando apenas 86 pontos, porque do jeito que estava......poderia chegar a uns 110 pontos brincando.
Jogo em si, só o primeiro quarto onde teve equilíbrio de ambos os lados embora o Quimsa abriu 5 de frente no 18 a 13. Depois disso, só deu Quimsa. Era Gallizzi aparecendo bastante, McHopson, Romano, "Chuzito" González e até o garoto Lucas Martínez que está sendo usado pelo o Sílvio Santander de forma bem acentuada tiveram grandes atuações. Na verdade o Quimsa teve a grande maioria de seus jogadores tendo a atuação e transformando o jogo em facilidade, só lembrando que o Echague estreava o Keeling na troca de estrangeiros na equipe de Paraná.
No intervalo, a vantagem estava em 35 pontos....um 50 a 18 que só uma catástrofe pra tudo mudar, mas não mudou em nenhum instante e todo mundo pode jogar.
E o Echague jogando assim leva uma feia do Olímpico sábado, o Quimsa transformou o jogo em facilidade e nem dá pra falar muito além disso.
Cestinhas/Maximos Puntuadores: Quimsa teve Gallizzi com 16 pontos, 15 do "Chuizito" González e 10 do McHopson. Já o Echague teve Bachynski com 10 pontos e mais nada.




E O QUE MAIS TIVEMOS NA LIGA NACIONAL ARGENTINA E O QUE VAMOS TER?
Tivemos o Ferro atropelando o Quilmes no placar sonoro de 84 a 54 jogando no Héctor Etchart(http://basquetplus.com/articulo/ferro-no-le-dio-chances-quilmes-84-54-de-la-mano-de-clemente) e também teve vitória do Argentino de Junín dentro do Fortín de Las Morochas sobre o Peñarol no 84 a 70(http://basquetplus.com/articulo/argentino-fren%C3%B3-otro-puntero-en-el-fort%C3%ADn-83-70-pe%C3%B1arol) e o jogo entre San Lorenzo x Gimnasia foi cancelado pela a intoxicação que tirou muitos jogadores e gente da comissão técnica da partida, vão ter que remarcar outra data para a partida.
E nesta sexta, teremos La Unión x Libertad como o único jogo do dia na LNB Argentina.

quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Sport 1 x 0 Ponte Preta: Série A 2016 no blog!

Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife





Foi chorado, foi sofrido, foi aflito, foi dito e foi 1 a 0 nos 3 pontos com direito ao "Cazá" e a festa rubro-negra pernambucana na Ilha do Retiro com vitória que era precisa para uma luta pra não cair pra série B e com direito a Daniel Paulista indo de interino, algo que tem ido o Sport nessas últimas rodadas e certamente deve ir até o fim do campeonato assim.
Jogo da noite na série A, começo de mais uma rodada que continuará na sexta,sábado e segunda já que no domingo teremos segundo turno, ou seja, votação pra prefeito em algumas cidades do nosso país até uma delas é Recife que teve jogo hoje.
Sem firulas, gostaria de falar do jogo. A Ponte Preta foi jogar por uma bola, não se recorda se teve algum chute a gol dela durante o jogo de fato(você vai considerar finalização qualquer bola, só que mal se ouvia o nome do Magrão no jogo)e que a equipe Pontepretana teve méritos tremendos em segurar o 0 a 0, ainda mais no quesito marcação que fazia o jogo ficar emperrado, sem muitas emoções e até anulando as principais jogadas do Sport que aparecem com Rithely e com Diego Souza.
Na segunda etapa, que tivemos o Sport com atitude diferente enquanto a Ponte Preta que já se encolhia, se encolheu mais ainda. Se estava difícil pra furar a zaga pontepretana, nada como um chutão no meio do nada para fazer o Sport abrir o placar. Matheus Ferraz dá o chutão para o ataque, Diego Souza meio que dá um leve desvio e a bola sobra pra Rogério bater no meio das pernas de Aranha e marcar o gol que foi o da vitória para o Sport.
Depois disso? A Ponte ficou forçada a sair pra jogo, até tentou assustar Magrão, conseguiu assustar, mas porém veio o Diego Souza perder um gol cara a cara que simplesmente não pode e sem falar em outras chances do Sport folgar no quesito resultado.
No mais, o alívio no apito final e o Sport consegue uma baita vitória.......e a Ponte volta a perder no campeonato.

Chapecoense dá show, elimina Júnior e segue em frente na Sul-Americana

Foto: Nelson Almeida/AFP



26 de Novembro de 2016, chuva caindo torrencial em Chapecó e mais uma noite histórica na história da Associação Chapecoense de Futebol e até o apelo dos baixos ingressos deram certo demais, a Chapecoense é semifinalista e ainda passando o famoso carro em cima do Júnior de Barranquilla, até o treinador da equipe colombiana disse que a Chapecoense podia ter feito mais além dos 3 a 0 do placar final.
Se domingo, muitos lamentaram e muitos disseram que as inúmeras chances perdidas poderiam ser prenúncio de desconto dos problemas na quarta-feira e foi o que praticamente aconteceu no dia memorável da Arena Condá. A Chape segue fazendo história, até decidi em deixar essa postagem por último porque quando vê outras praças se dando bem, aquelas praças que pouco é dito na nacional onde preferem meter 1 hora de Corinthians, 1 hora de Flamengo ou alguma pauta achada em algum lugar ao invés de abrir espaço para demais equipes.....é a mostra o quanto o futebol pode dar certo e futebol não se existe apenas em certas praças como cansamos de ver por ai sendo ignoradas de fato. E a Chapecoense tem até juntado até pessoa de outras equipes que tem encontrado carinho na equipe, ao menos de minha parte e aí falo por mim mesmo......aquele dia lá anos atrás num Chapecoense 2 x 1 Criciúma valendo vaga pra final do Catarinense naquele ano pude ver in loco como era a Chapecoense antes do agora em que todo mundo conhece ela, naquela época pude conhecer, era tempo de time sem série e chegada no Catarinense onde até o debate era a diferença de gramado de Chapecó para o tamanho de gramado de Ressacada e Scarpelli, lembram? As coisas até aí mudaram, o Blog evoluiu e segue evoluindo enquanto existir, a Chapecoense só cresceu em diante e até chegar hoje a uma semifinal onde agora vai esperar ou San Lorenzo ou Palestino, sendo que em partes do próprio jogo chegou a estar pegando o Coritiba antes da virada colombiana lógica em Medellín.
E o jogo? E o SHOW dado? A chuva não tirou o fator de jogadores jogando muita bola e sendo importantes para o jogo e aí é pra falar de Gil e de Cléber Santana, é pra falar de Ananias e Bruno Rangel, é pra falar de até o banco não deixar a peteca cair no segundo tempo e as finalizações do Júnior de Barranquilla eram pouquíssimas, de se contar no dedo.
O Show da Chape com um 3 a 0 que foi pouco, a resistência colombiana durou até aos 35 sendo que já se tinha mais de 10 finalizações a gol, gols perdidos até dizer chega e 7 escanteios contra nenhum da equipe colombiana e até que o gol saiu, saiu quando Bruno Rangel cruza na cabeça do Ananias e Ananias marca o placar aberto na chuva de Chapecó. 1 a 0.
O 2 a 0 ainda viria no primeiro tempo, quando a zaga colombiana corta mal o escanteio e o Gil emenda de primeira para o placar ampliado e a vantagem....que vantagem? Foi pro espaço.
E só não veio o terceiro porque o goleiro Viera fez defesa no cara a cara do Bruno Rangel.....o passeio, o futebol envolvente mesmo no gramado ensopado....não deixou de existir nunca nos 90 minutos da equipe.
E na segunda etapa, nem os reservas deixaram nenhum barraco desabar. Já bastou o tempo de tomar um golzinho e botar tudo a perder, não era noite pra isso....o Júnior mal chegava e até teve 2 chances em chutes de Lucas Gomes que quase resultaram em gol. Só resta nesse passeio sensacional, falar do gol que fechou a conta quando em cruzamento na área o desvio do William Thiego e a classificação mais que consolidada. Que venha o San Lorenzo certamente, pois não penso que o Palestino faça reverter o 2 a 0 tomado no Nuevo Gasômetro.
Chapecoense e seu show, classificação muito fácil e seu torcedor não vai esquecer mais uma da história dela. Pouco importa se teve o jogo passado pra RBS em toda Santa Catarina, pouco importa se falarão pouco dela, o que importa é que existe gente a valorizar isso de forma sincera, clara e direta.......a Chapecoense merece sim o título da competição e agora que tenham aprendido o fato do ingresso baixo em jogos assim sem extorquir ninguém.
Pra finalizar a postagem, nada melhor que mostrar os gols do jogo pela a sempre ótima narração de Fernando Doesse na Rádio Chapecó: http://www.radiochapeco.com.br/2016/10/26/2693/  É o Verdão do Oeste Catarinense chegando lá, do jeito que a galera quer e jogando futebol........assim é bom demais.
E Caio Jr.....não achava que o senhor iria se dar tão bem lá, até achava que a Chapecoense fez besteira, que ele iria entrar em conflito com a torcida igual fez de forma infeliz nos tempos de Botafogo, só que....o tempo e os resultados estão me calando a boca e admitindo isso.

Na LNB Argentina, Boca vence Weber Bahía

Foto: Tyc Sports Play




Mais um jogo envolvendo adversário do Uniceub Brasília na Sul-Americana, desta vez o Weber Bahía Basket que volta a perder e perdeu para o Boca e seu elenco que nessa temporada vem bem modesta de fato. É do 70 a 67 xeneize na La Bombonerita que falo bem nesta postagem.
E o jogo, como foi, Igor? Conto pra você!!!
Primeiro quarto teve um começo todo superior em favor do Boca Jrs, com direito a jogo interno dado por Vasirani, Lampropoulos e até a aparição do Lucas Gargallo para chegar a abrir 11 a 6. O Weber Bahía foi completamente dominado no quarto que ainda teve a bela atuação de Fernando Funes em chutes de fora importantes e o giro da garotada xeneize na reta final do quarto, para fechar na frente por 16 a 12. Só lembrando que Máximo Fjellerup é o desfalque do lado do Weber Bahía.
No segundo quarto, além do começo faltoso, o Weber Bahía chega a encostar no placar. Só que com rebote, com um jogo até positivo no interno......fez o Boca abrir vantagem. Com Vasirani e até bola de fora do Gargallo pra abrir uma pequena vantagem que se manteve, embora teve vários momentos que a equipe comandada por Sepo Ginóbili poderia chegar, mas sempre tinha um aproveitamento baixo no ataque. 32 a 30, Boca na frente na ida para o intervalo.
Na volta do intervalo, tivemos muito equilíbrio e até melhoria da equipe do Weber Bahía e alternância no placar lá em Buenos Aires. Embora a equipe bahiense simplesmente abriu uma pequena vantagem, o Boca respondeu rapidamente e ficou nessa de alternância de placar por certa parte do terceiro quarto. 55 a 53, Boca na frente e melhor na reta final do mesmo quarto.....nem dá pra falar tanto, porque o teor do próprio quarto foi desta maneira e até a famosa impressão mesmo com a melhoria do Weber Bahía no jogo, foi que Redivo carregou a equipe do Sepo Ginóbili em muitos momentos da própria partida.
Tudo foi decidido no último quarto, onde o equilíbrio se manteve bastante acima de tudo. O Boca se manteve com 4 pontos de frente, mas viu o Weber Bahía simplesmente empatar tudo faltando 2 minutos para o fim de jogo. Lampropoulos numa bola interna, Juan Pablo Vaulet sofrendo falta e um 64 iguais faltando 1 minuto para o final.
Até que o Weber Bahía quase que recupera a bola na defesa dobrada no Pérez, mas o Boca recuperou e na velocidade o Vasirani no tapinha fez a bola do 66 a 64. 45 segundos, após o tempo do Sepo Ginóbili, e chance para um novo empate, mas Hernán Jasen na cabeça do garrafão falha e o Boca liquidou no lance livre o jogo e a vitória consolidada em jogo bem detalhista. Xeneize vence o Weber Bahía.....
Cestinhas/Maximos Puntuadores: Boca teve 15 pontos para Funes, 14 do Lampropoulos, 11 do Gargallo, 10 do Lucas Pérez e 10 do Vasirani.
Já o Weber Bahía teve 22 pontos do Lucio Redivo, 14 do Juan Pablo Vaulet e 12 do Anthony Johnson.
Mais 4 jogos nesta quinta na LNB Argentina: San Lorenzo x Gimnasia, Ferro x Quilmes, Argentino de Junín x Peñarol e Quimsa x Echague. Turma mogiana e do Paulistano, fiquem atentos ao jogo do Gimnasia se houver streaming, é a dica pra estudar adversários, enquanto no caso de Mogi tem final do Paulista pra jogar.

Na LNB Argentina, Olímpico com facilidade supera Instituto

Foto: LNB Contenidos



Vicente Rosales, palco da Sul-Americana na próxima semana e uma vitória fácil do Olímpico sobre o Instituto onde o domínio como diria Pablo Gonzalo Pereyra na narração da Rádio Panorama de Santiago Del Estero: "Domínio de Punta a punta".
É do 98 a 75 que foi contundente na noite de Santiago Del Estero, para "El Negro de la Banda" e em cima do Instituto que não foi em nenhum momento incomodo para os comandados de Fernando Duró.
No primeiro quarto, já tinha o Maxi Stanic dando passes a tudo quanto é direito no jogo e sem falar no Boccia aparecendo demais nos chutes de fora junto ao Van Lacke que auxiliava rigorosamente tudo. Até se abriu sonoros 26 a 9 com um domínio avassalador onde o Instituto apenas reagiu na reta final de quarto onde baixou um pouco a diferença e o quarto terminou em 26 a 15 em favor do Olímpico.
No segundo quarto, até o banco correspondeu do lado do Olímpico. Ferreyra, Massarelli e Cosolito para manter a vantagem e o placar subir de vez. 53 a 31 na chegada ao intervalo, conforme até disse lá em cima, em NENHUM MOMENTO DO JOGO o Instituto foi reagir na partida, uma das piores partidas dos comandados do Ariel Rearte na temporada até o momento.
Na volta de intervalo, quem apareceu como destaque foi o finlandês Nenonen que pontuou bastante e até deu para que Fernando Duró botasse mais tempo para os reservas em placar que simplesmente só aumentou. Teve um momento que ficou no 82 a 56 faltando 4 minutos finais, e o placar foi apenas aumentando....até deu tempo da turma da Rádio Panorama jogar a escala da rádio para jogos e a fácil vitória na noite. Só lembrando que um dos adversários do Uniceub Brasília semana que vem em Santiago Del Estero, terá o pivô venezuelano Marriaga como rotação do Williams(notícia que saiu dias atrás) e que ainda terá que enfrentar o Atl. Echague antes de encarar a fase da Sul-Americana.
Cestinhas/Maximos Puntuadores: Olímpico teve 15 pontos do Diego Guaita, 3 jogadores com 14 pontos(Boccia, Massarelli e Cosolito), Nenonen com 13 e 11 do Van Lacke. Já Instituto teve 19 pontos do Green, 18 do Sam Clancy, 14 do Pablo Bertone e 12 do Ciorciari.

No Clássico correntino, Regatas vence San Martín na LNB Argentina

Foto: LNB Contenidos




Primeiro clássico da temporada, até com televisionamento da Tyc Sports para os Argentinos e pra quem conseguiu pegar Link funcionando por internet...e no final o Regatas venceu o San Martín de Corrientes por 78 a 71, e esta é a postagem do blog no assunto.
E tivemos um bom jogo lá no José Contte em Corrientes, com decisão no último quarto de fato.
Falando do jogo, tivemos um primeiro quarto onde os comandados do Sebastián González simplesmente começaram melhor. 17 a 9 em principais 4, 5 minutos de jogo onde nesse meio até no comando do Leo Mainoldi e seus chutes de fora fizeram a equipe Rojinegra tomar conta do quarto, até que aos poucos o Regatas simplesmente se acertou no jogo e graças a Paolo Quinteros, a vantagem só caiu pra 2 pontos......23 a 21, San Martín na frente e se não é Paolo Quinteros a vida pioraria para o Regatas.
No segundo quarto, tivemos rotação e defesa sendo as chaves do jogo para que o Regatas acabasse de reagir na partida. Com direito a boas entradas do Martina e do Sims para se manter na dianteira e até chegar a 11 pontos de frente, mas na reta final do quarto até que o San Martín de Corrientes reagiu ainda mais com Tintorelli sendo muito utilizado(e ao mesmo tempo da utilização do jogador também teve muitos erros dele como andadas marcadas). Com isso, 42 a 38, Regatas do Gabriel Piccato(que é o treinador da equipe) na frente na ida para o intervalo.
Volta do intervalo, terceiro quarto em andamento e o equilíbrio com direito as duas equipes se alternando no placar foi o destaque do quarto e com direito a alto aproveitamento de ambas as equipes nas bolas de fora que até fizeram o placar ficar um pouco mais alto. 60 a 59 e um jogo de qualidade antes do último quarto, Regatas na frente e tudo seria decidido no último quarto.
Em um clássico como esse, em uma LNB Argentina, em um último quarto.....é a famosa hora de aparecer os carimbados e decisivos jogadores, existem os jogadores que nesse momento não se recusam a decidir jogo. E dentre eles, Paolo Quinteros é o nome.....metendo suas bolas, ainda mais nos 2 últimos minutos finais de jogo onde ele apareceu pra pegar a bola, resolver e botar o Regatas Corrientes na vitória além dos lances livres em suas mãos para definir por inteiro um jogo que até poderia ter tido uma prorrogação, mas na hora que o jogo apertou.....Paolo Quinteros não perdoou e o primeiro clássico de Corrientes na temporada é a favor do Regatas para a festa "Fantasma" em Corrientes.
Cestinhas do clássico?/Maximos Puntuadores del clásico? Regatas teve 26 pontos do Paolo Quinteros, 13 pontos do Pablo Espinoza e 12 do Sims(sabe o Fabián Ramírez-Barrios que já jogou em Bauru? Só fez 8 pontos no jogo). Já o San Martín teve 21 pontos do Aguerre, 16 do Mainoldi e 11 do Reynaldo García.

Borja decide, Atl. Nacional vence e Coxa está fora da Sul-Americana

Foto: Divulgação/Atlético Nacional




Borja....um dos ainda permanecentes do título da Libertadores da América na inédita final contra o Independiente Del Valle, acabou sendo algoz da noite pra eliminar o Coritiba no 3 a 1 em Medellín, alias se sabia que a vida coxa-branca na Sul-Americana era complicada contra um dos adversários da Sul-Americana que brigam pra título sem falar no elenco e no time arrumado que tem, mesmo perdendo alguns jogadores graças ao sucesso da Libertadores.
E como foi o jogo lá em Medellín? A primeira etapa não teve tantas emoções, só a partir dos 30 minutos onde o Atlético Nacional saiu na cara do gol por ao menos 3 vezes e o Wilson ainda fez alguns milagres que mantiveram o 0 a 0, até que aos 42 minutos uma bola parada em favor do Coritiba onde César González cobra ela, sem chances para o Armani e o Coritiba abriu o placar em solo colombiano para o 1 a 0.
Nesse momento até me perguntei, se o Coritiba aguentaria tudo isso.....só que prevaleceu a superioridade da equipe colombiana. A segunda etapa sacramentou tudo isso, primeiro aos 7 com o Borja chutando, o desvio matou o Wilson e a bola foi no canto. Depois o escanteio batido na área minutos depois e o Borja simplesmente num voleio espetacular para um golaço e ninguém do Coritiba no lance e depois disso não tinha outra que o Coritiba abriu o jogo pois o empate em 2 a 2 o interessava.....até o Carpegiani apelou pra Kléber Gladiador e os espaços foram fatais.....pênalti claro tocando na mão do Kazim e o Borja cobrou para sacramentar a classificação colombiana onde agora vai encarar o Cerro Porteño em uma das semifinais.
O Coxa resistiu até quanto pode, mas tinha que saber que até chegou longe para um elenco que tem, e agora terá o Botafogo na Ilha do Governador e a eterna briga por rebaixamento na série A, a realidade atual em mais um ano que tirando esse lapso de Sul-Americana....é a que mais bate no time alviverde do Alto da Glória.

Vasco 0 x 0 Avaí: Série B 2016 no blog!

Foto: André Durão/Globoesporte.com




Teve série B no televisionamento para o Rio hein?? É o jogo do Vasco e o 0 a 0 contra o Avaí onde vivo para que o Renan que sempre o achei um péssimo goleiro, fechando o gol em São Januário e não deixando que o Vasco conseguisse ao menos 1 gol para uns 3 pontos que a equipe tanto precisasse, o 0 a 0 foi garantido do lado avaiano muito graças a Renan que fez a partida da noite na Colina.
Tivemos umas 5 defesas do goleiro avaiano no mínimo.....o Vasco até apertou nos 15 minutos primeiros de jogo, mas depois o jogo esfriou e simplesmente o 0 a 0 ficou dessa forma na primeira etapa.
Já na segunda etapa, nem a entrada do Jorge Henrique, nem a entrada do Thalles e nem do Alan....a situação vascaína resolveu o problema e sem falar que o tempo passava em São Januário e ainda via o torcedor impaciente com muita razão no relato e a campanha de um time que não convence ninguém é bem por ai mesmo. Renan ainda fez mais milagres, teve Luan e uma expulsão duvidosa onde parecia que ele quis retirar a mão da bola e não tocar ela de propósito e o árbitro entendeu errado e o expulsou, embora sei que as vezes essa interpretação sempre confunde, há casos lógicos que nem dá pra evitar que se tire o braço e aquele tocou na mão é irregularidade acaba indo para o saco, embora isso deveria ser aplicado de forma coerente, mas.....
O Avaí no final segurou o 0 a 0 e o Vasco volta a tropeçar na série B que também até penso que vai subir, mas as dificuldades são existentes, até você acompanhar jogo do Vasco....está duríssimo.

Copa do Brasil 2016 e suas semifinais de Ida

Quarta-feira, semifinais de ida e com resultados nos quais quem jogou fora de casa se deu super bem. Atlético MG e Grêmio saíram bem demais na Ida da Copa do Brasil nas suas semifinais, algo que os resultados pra serem revertidos.....precisam de Inter e Cruzeiro jogando futebol de fato para que tudo se reverta.
Vamos falar de cada jogo, na noite desta quarta!!!




CRUZEIRO 0 X 2 GRÊMIO
Que atuação do Grêmio dentro de um Mineirão hein? Botou o Cruzeiro no famoso bolso e sem dar trela alguma. A equipe gremista segurou legal a equipe cruzeirense no lado de defesa, o Cruzeiro até pressionou na primeira etapa, mas viu nos contra-ataques gremistas os sustos que viraram realidade no Mineirão até com bom público pra noite.
Golaço do Luan, aos 12 minutos onde ele colocou no ângulo do Rafael e fez o placar ser aberto em BH. Depois do gol, o Cruzeiro de Mano Menezes sentiu demais o gol e começou a pilhar com a própria partida ao invés de jogar e nisso que o Grêmio podia ter feito muito mais gol ainda no primeiro tempo. Toques de cabeça do Geromel e do argentino Kannemann e ainda o chute do Ramiro pra ser as principais chances do tricolor gaúcho no Primeiro tempo.
Na segunda etapa, parecia que o time celeste iria voltar melhor, mudou a atitude e com direito a duas bolas paradas que Marcelo Grohe defendeu muito bem e a ducha de água fria na equipe cruzeirense veio quando aos 16 minutos, o Ramiro arrancou para o ataque e fez o passe acertado para Douglas só empurrar para o gol, 2 a 0 e depois disso.....um jogo que quase não teve mais nada e nem reação cruzeirense que esfriou de vez e o Grêmio leva uma vantagem pra Porto Alegre numa atuação que nos últimos mesmos não pensaria que teria e o Cruzeiro foi botado na roda, nem dá pra dizer muito.




INTER 1 X 2 ATLÉTICO MG
Agora a outra semifinal no Beira-Rio onde a eficiência atleticana chamou demais a atenção para botar uma vantagem que pode ser suficiente pra se classificar, porque o Inter agora vai querer basicamente jogar a desculpa na escalação mista ou reserva para sair fora....embora pode tudo acontecer porque esses mesmos reservas fizeram o que fizeram contra o Santos e nada esperou isso.
E o jogo? Primeiro tempo teve embora não achei que o colorado foi mal, ao contrário dos outros jogos, teve o Galo abrindo o placar de cara quando Lucas Pratto fez a jogada, cruzou na área, o Paulão cortou mal a bola e o Otero botou a bola lá dentro para a abertura de placar em favor do Atlético. Depois disso, o que teve o Inter de oportunidades para ao menos empatar o jogo.....era algo que o colorado não pode reclamar num elenco péssimo de fato. Dentre oportunidades, tivemos Aylon por 2 vezes na chances, teve a falta do Alex batida também e o Victor fazendo defesas de fato e fechando o gol no Beira-Rio.
Na volta do intervalo, mesmo replay, Inter simplesmente melhor no jogo, pressionando demais no jogo. Aylon cabeceando e Victor defendendo com rebote do Paulão pra fora, William chutando pra fora, outro chute do William que o Victor defendeu e até o Roth arriscou o Valdívia pra tentar o empate e depois de tanto pressionar......pênalti bem marcado em favor do colorado e o William foi pra bola, bola do lado e Victor do outro para o empate no Beira-Rio.
E justiça seja feita, o Inter até podia ter vencido o jogo de fato.....mas aos 43 do segundo tempo em contra-ataque com começado por Robinho, o 7 atleticano lança a Luan que só rola para Lucas Pratto que com o gol vazio bota a bola lá dentro e marca a vitória do Atlético.
Volta semana que vem nas duas partidas......vamos ver que fim leva, embora as vantagem são grandes para Grêmio e Atlético MG.

quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Observações, Opiniões e tudo mais nesta madruga

Vamos aos detalhes!!!!!!!





-Por onde começo? Começo falando do montão de hipocrisias existentes quando o assunto é organizadas, futebol e o que precisa a ser feito. Até esta hipocrisia vem de pessoas que se dizem que não querem ir mais ao estádio(tem todo o direito, claro) e quando rola qualquer jogo decisivo estão como gente no cio......é tanta hipocrisia existente, que enche o saco, eu certamente levantaria do debate que eu estivesse e até seria tachado de defensor disso ou daquilo.
-No Tênis, Madison Keys e Kerber venceram seus jogos no WTA Finals, até não sendo a famosa surpresa. Os demais resultados do dia estão aqui: http://tenisbrasil.uol.com.br/resultados/2275/terca-feira/
-No Basquete, também me liguei nos jogos de Gimnasia e de Estudiantes de Concordia. O jogo do Gimnasia que tive que apelado para o rádio, o streaming nada pegava, mas tem sempre o rádio a salvar todo mundo, em jogo onde mais uma vez os estrangeiros do Gimnasia mais atrapalharam do que ajudaram no jogo, a sorte é que numa atuação tão espetacular do Juan Fernández Chávez(25 pontos dele) além do Nico De Los Santos salvaram a pátria nessa atuação em Río Gallegos no 81 a 75 e dizem que uma equipe do Grupo do Hebraica y Macabi(onde está Gimnasia) quer Jeremis Smith e te digo que se Mogi já completou seu elenco e que Paulistano não tem nem grana pra isso.....restou Gimnasia por eliminação porque Gimnasia até anda querendo assim.
-Já em outro jogo da LNB Argentina, o Estudiantes de Concordia após 3 quartos de puro equilíbrio em ambos os lados, venceu a La Unión de Formosa principalmente no último quarto muito graças as aparições do Tucker e do Justiz Ferrer e no final um 91 a 72 convincente para os comandados do Hernán Laginestra.
-Na Liga Uruguaia.....estava ouvindo o trio de jogos na cobertura da Rádio Sport 890 e destacar a emoção de Santiago Rodriguez na narração de Sayago e Goes principalmente no final de jogo nas bolas de 3 do Camilo Antunez para a equipe do Sayago e tirando diferença grande e um 20 a 5 no último quarto pra ganhar do Goes por 70 a 65. Também teve o Hebraica Y Macabi com direito a Leandro García Morales excluído da partida contra o Aguada e perdeu por 91 a 87 e sem falar que teve também o Trouville vencendo o Defensor Sporting por 79 a 60. 7 equipes com a mesma campanha e dividindo a liderança do campeonato pra ver como anda todo mundo equilibrado: Sayago, Larre Borges(Se Pronuncia Larrê), Aguada, Trouville, Biguá, Urunday e Malvín.
-A NBA voltou, até com direito a Cavs vencendo. Já no Rio, adiaram pra quinta-feira em São Januário as 7 e 45 da noite o jogo 2 entre Vasco x Flamengo na final do Carioca de Basquete, no mesmo dia de final do Paulista onde a casa estará cheia em Mogi e com 2 telões do lado de fora.......assim é. E não esqueci do Palmeiras estreando na segunda divisão do Campeonato Paulista, mesmo com a garotada sub-19 uma vitória gigante e um 87 a 85 sobre Assis e final de semana jogará contra Lins e até estão querendo que lotem os jogos, campanha estão fazendo, campanha muito boa por sinal.
-Treinador mudado no Handebol Masculino e convocação feita, aqui está: http://www.surtoolimpico.com.br/2016/10/apos-mudanca-de-treinador-e-convocada.html?utm_source=dlvr.it&utm_medium=twitter
-Tivemos no futebol, série B nesta noite. Além do 1 a 1 entre Oeste x Luverdense que botou o Joinville ainda na disputa, tivemos a vida goiana com 100% na noite. 3 a 0 do Vila Nova sobre o Sampaio Corrêa fora de casa(http://www.vavel.com/br/futebol/712715-vila-nova-marca-duas-vezes-no-fim-e-afunda-sampaio-corra-na-lanterna.html) e 3 a 0 do Goiás sobre o CRB no Serra Dourada vazio de novo(http://portal730.com.br/goias/com-o-serra-dourada-completamente-vazio-goias-goleia-inoperante-crb-por-3-a-0). Já na segunda divisão catarinense, Lucas Crispim marcando na vitória do Atl. Tubarão sobre o Barra por um magro 1 a 0.
-Mais que obrigação ingresso barato em certos momentos, alias, ingresso barato deveria ser pra todos os momentos e não quando o clube parece estar mais lascado na tabela de um campeonato........os clubes um dia sei lá se vão se tocar nisso.
-Ontem completou 5 anos atrás do feito Argentino no Handebol sobre o Brasil em se classificar para o Mundial e levar a medalha de ouro. Gostei demais da narração emocionante do Pablo Monti na Tyc Sports, sensacional: https://www.youtube.com/watch?v=HDT2P50-N8I
-Não tenho nada a dizer sobre o falecimento do Carlos Alberto Torres. Não se discute a importância e o quanto ele foi gigante para a história brasileira ainda mais com relação a 1970 e uma grande constelação de estrelas que tivemos, até a fala mais marcante do dia foi dada pelo o Canhota Gérson no SBT ainda lá no Rio......como comentarista sempre foi péssimo e como treinador mais ainda(embora tem muito Botafoguense que o lembra de 1993 e da Conmebol conquistada por ele, eu já não tenho boas lembranças dele como treinador) e me deu uma raiva danada quando Mauro Beting(justo um jornalista que gosto bastante) desandou a falar a besteira de "Ele podia falar porque é o capita", deveriam parar com esse fato de canonização, independente se o cara fez coisas certas e erradas. Só me resta, desejar força a família e a quem realmente se importa com ele, estará no céu com Deus e assim é tudo.
-Ótimo guia do Luiz Araújo falando da Liga Sorocabana que até mudou demais para o NBB e deve melhorar seu elenco: https://tripledouble.com.br/2016/10/24/guia-da-temporada-201617-do-nbb-liga-sorocabana/ embora ainda acho um elenco que melhorou um pouco, mas continua fraco por inúmeras coisas.
-Pra finalizar: Cerro Porteño semifinalista da Copa Sul-Americana 2016. El Ciclón vem forte demais, pode conquistar seu primeiro título continental, embora confesso que boto fé em outras equipes....Cerro Porteño que tirou o Independiente Medellín num Defensores Del Chaco lotadíssimo.





No mais é isso, simplesmente isso e nesta quarta-feira se não houver nada diferente, tem post sim senhor!!!

Na LNB Argentina, Ferro bate Obras

Foto: Prensa Obras




Tudo se decidindo no último quarto, assim o duelo na Avenida Libertador em Buenos Aires no ginásio do Obras e o Ferro venceu o jogo por 92 a 86 em um bom jogo por lá na LNB Argentina.
Falando do jogo, sem firulas tivemos um primeiro quarto em que pesou muito equilíbrio entre os lados, o Obras já tinha o Herrmann atuante no seu primeiro quarto enquanto o lado do Ferro abusava de erros pra não se encontrar e nisso que os comandados do Nico Casalánguida aproveitaram pra manter a vantagem e fechar o primeiro quarto no 26 a 19.
No segundo quarto, tudo parecia seguir no mesmo. A defesa Tachera comandando o jogo e a equipe Verdolaga com dificuldades de ataque, até que a sequência de 7 a 0 e com direito a muito Franco Balbi no jogo além  de aparições pequenas na rotação dos comandados do Castiñeira fizeram com que a virada viesse. E além disso, claro que veio a situação das faltas de ambos os lados que causaram confusão nas rotações......o Ferro fechou melhor a parcial e ficou em 48 a 44.
Na volta do intervalo, sequência de 7 a 0 e o Obras passou a frente, mas com jogo interno na dupla Ramón Clemente e Kevin Hernández fez com que o Ferro retomasse, embora o outro lado respondia com Walter Herrmann e eis que surge a fase do jogo em que o equilíbrio foi predestinado até o fim do terceiro quarto e isso continuou no último quarto onde até o Ferro abriu vantagem, mas o Obras conseguiu correr muito atrás e faltando 3 minutos para o fim do jogo.....empatados estavam em 79.
O Ferro além de defender bem, teve uma bola de 3 de Martín Cuello e além disso o Obras perdeu os 24 segundos num bom resultado defensivo da equipe Verdolaga que apareceu demais no final de jogo onde é importante num jogo disputado acontecer isso pra quem quiser ganhar um jogo e nisso que o Ferro sacramentou a vitória abrindo 4 de frente e até com Ramón Clemente liquidar o jogo.
Cestinhas/Maximos Puntuadores: Ferro teve 22 pontos do Kevin Hernández, Ramón Clemente com 18 pontos e 16 pontos do Maldonado. Já o Obras teve Walter Herrmann com 29 pontos, Zanzottera com 18 pontos e 10 do Pepo Barral.

terça-feira, 25 de outubro de 2016

Na Copa Universo e com prorrogação desnecessária, Uniceub Brasília vence Vitória

Foto: Divulgação/ Twitter do Uniceub Brasília




Existem méritos baianos para uma prorrogação dessas? Sim, existe e disso não se discute.
Agora uma equipe que quer jogar de igual pra igual, disputar uma Sul-Americana decentemente mesmo tendo poupado o Fúlvio....não pode ser tão irreconhecível depois de abrir 25 pontos, depois de dominar o jogo inteiro, deixar ter uma prorrogação desnecessária. Eu poderia estar sendo menos pesado com relação a isso, mas você estar 25 pontos a frente, com um adversário que estava entregue e no final virar ou seja, deixar virar acaba sendo algo que só a turma do Vitória foi aplaudir de vez, uma recuperação que pra eles existem méritos ao mesmo tempo da incompetência monumental de definir um jogo e de cair tanto como caiu no último quarto e foi pra deixar preocupadíssimo até pensando no mais pra frente. Não precisava de tudo isso......
79 a 76 e um jogo que foi bem assim: No primeiro quarto, um jogo bem pegado, um jogo com tantos erros e um jogo chatíssimo e nada engrenado para nenhum dos lados, um 13 a 9 para o Uniceub Brasília num placar bem baixo.
Enquanto o Vitória mal se ligava no jogo.....o Uniceub Brasília além da defesa feita principalmente em cima do Kenny Dawkins e com Lucas Mariano entrando no jogo com bolas de fora e encarando o jogo interno no garrafão que é dá pra encarar de fato(Hayes, Coimbra, Kurtz que o digam) e nisso o Uniceub Brasília abriu vantagem embora o quarto terminou numa bandeja do Dawkins e com isso, 28 a 17 para os comandados do Bruno Savignani.
Na volta do intervalo, tudo na mesma. Vitória sem estar no jogo, em nenhum momento mostrando reação e o Uniceub Brasília dominando as ações sem problemas e um 55 a 31 no fim do quarto onde não parecia que terminaria da forma que foi, até via o Vitória rigorosamente entregue em quadra. Até que o Uniceub Brasília some no último quarto, surge Hayes, surge Dawkins, surge uma defesa daquelas e a vantagem que chegou a estar em 25 pontos.....caiu em todos os tempos, o Uniceub Brasília teve lances livres desperdiçados, teve bolas quase perdidas onde a sorte parecia jogar do lado brasiliense e no final....sabe como posso resumiu um último quarto de extrema reação do rubro-negro baiano e de atuação péssima e preocupante por não administrar um jogo? Jogada em reposição de bola, reposição de bola e o Hayes aparecendo nas costas da marcação, livre e solto para empatar o jogo no 66 a 66 e ter prorrogação em Cajazeiras.
Na prorrogação, o Uniceub Brasília esteve na frente em grande parte do tempo, mas de novo quase perdeu a vantagem que tinha. O Final de jogo foi no famoso lance livre de um lado e de outro onde nos lances livres do Deryk com direito a goaltending do Kurtz....fez o jogo ser sacramentado na vitória do Uniceub Brasília e um 79 a 76, onde teve o Vitória nos seus méritos numa reação inacreditável e espetacular para um time que estava entregue e o Uniceub Brasília não precisava de uma prorrogação dessas, só exibiu preocupações para semana que vem e os jogos que pegam pra capar na Liga Sul-Americana onde não se permite falta de pegada.
Mesma pontuação, ambos cestinhas do jogo. Falo dos 21 pontos do Lucas Mariano e 21 do Chris Hayes, os dois em lados diferentes foram os cestinhas do jogo.

Na Copa Universo, Minas bate Caxias em jogo disputadíssimo

Foto: Camila Santana/Universo Vitória




Copa Universo, torneio amistoso que o Vitória projetou lá no Ginásio de Cajazeiras em Salvador e o duelo entre Caxias x Minas na partida preliminar. Alias, as duas equipes vão estrear se enfrentando no dia 8(o que antes a estreia era contra outras equipes, tome tabela mudando a vista) pelo o Novo Basquete Brasil e o teor dessa partida por terem elencos muitos iguais é bem essa....de jogo de muito equilíbrio e de jogo no detalhe.
Acho que o detalhe deste 74 a 71 para a equipe minas-tenista foi no momento que o Caxias teve a chance de passar a frente e o Vinícius Gobor ficou na dúvida pra saber o que fazer, ou se ia para cesta ou passava a bola, era mais fácil ter ido pra cesta, ter ido pra bandeja, mas o camisa 7 da equipe caxiense deu uma equivocada daquelas e o jogo ficou naquela falta pra lá, falta pra cá e as duas equipes no lance livre onde o Mosso definiu o placar final.
No primeiro quarto de jogo, já falando da partida.....tivemos o Caxias tomando conta de grande parte do primeiro quarto, até abriu 5 pontos de frente, mas depois o Minas se acertou e até igualou as ações. E numa bola de 3 do Guto....a equipe Caxiense virou o placar e fechou na frente o primeiro quarto por 18 a 17.
Segundo quarto, equilíbrio na área. As duas equipes se alternavam na frente, era um jogo rigorosamente muito igual e eis que surge o Scott Rodgers(É Rodgers e NÃO Rogers) para o Minas virar o jogo e larga em vantagem no intervalo por 32 a 31.
Na volta do intervalo, mais equilíbrio, mais jogo disputado e ninguém criando tanta vantagem além de muita defesa e de muito lá e cá. Agora o Rackley foi decisivo, até entrou bem no jogo e o Minas manteve o 50 a 49 antes dos últimos 10 minutos finais, algo que no final virou decisão para os últimos 1 minuto e pouco porque o jogo esteve no mesmo teor, sem o que detalhar além disso.
Surge o detalhe onde Vinícius Gobor vai pra bandeja e acaba sendo a indecisão de fato, faltas forçando os jogadores a irem para os lances livres e o Minas no final sendo mais competente pra levar ao menos a primeira vitória na temporada contra um Caxias que tudo bem que teve mais jogos porque tem jogado o Campeonato Gaúcho só o parâmetro não é tão o mesmo para a turma do Rodrigo Barbosa e ainda mais para o Minas que ainda estava formando elenco....tinha jogador que chegou agora embora não devemos ter milagres nesses dois elencos.
A falta de Scout na competição lá na Bahia, faz com que ficamos devendo os cestinhas de cada lado, é nessas horas queria estar in loco dos lugares fazendo o nosso, trazendo o melhor e ainda sabendo números e relatando os jogos pra valer, sem depender de rádio que nos deixa mais perdido do que atento em jogo e de demais fatores.
É isso e daqui a pouco a postagem do jogo do Uniceub Brasília e demais fatores nesse dia de hoje esportivo.